Corinthians é goleado pelo Peñarol e está eliminado da Copa Sul-Americana

Jorge de Sousa

Corinthians é goleado pelo Peñarol e está eliminado da Copa Sul-Americana

O Corinthians foi goleado por 4 a 0 pelo Peñarol na noite desta quinta-feira (13) e está eliminado com duas rodadas de antecedência da Copa Sul-Americana.

Álvarez Martínez (três gols) e Canobbio marcaram os gols do duelo realizado no Estádio Campeón del Siglo, em Montevidéu, no Uruguai, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

Junto de Corinthians e Peñarol no Grupo E da Copa Sul-Americana estão o River Plate Asunción e o Sport Huancayo. As equipes também se enfrentaram nesta quinta-feira no Paraguai, com a equipe da casa vencendo por 2 a 1.

Após quatro rodadas, o Peñarol já garantiu a classificação para as oitavas de final com 12 pontos ganhos. River Plate Asunción (sete pontos), Corinthians (quatro pontos) e Sport Huancayo (nenhum ponto) aparecem em sequência na chave.

A quinta rodada da Copa Sul-Americana já será disputada na próxima semana, com o Corinthians recebendo o Sport Huancayo, às 21h30, da quinta-feira (20).

A Conmebol alterou o regulamento da Copa Sul-Americana para esta temporada, implantando uma fase de grupos na competição. Diferente da Copa Libertadores, apenas os líderes de cada chave irão avançar para as oitavas de final.

PEÑAROL DOMINA NOVAMENTE O CORINTHIANS E CONQUISTA VAGA

O Peñarol conseguiu mais uma vez abrir o placar logo no início da partida contra o Corinthians. Aos quatro minutos, Trindade bateu escanteio no primeiro poste e Álvarez Martínez resvalou de cabeça para balançar as redes.

Álvarez Martínez continuou inspirado e ampliou o marcador aos 13 minutos. Facundo Torres lançou González na direita e o meia cruzou fechado, Cássio errou o corte e Martínez só empurrou a bola para o gol vazio.

Mesmo após os dois gols, o Peñarol seguiu melhor na partida. Aos 17 minutos, González recebeu na área, fintou Gil e bateu rasteiro para Cássio defender. O rebote ficou com Facundo Torres, que finalizou por cima da meta.

Facundo Torres ficou mais uma vez perto de balançar as redes aos 25 minutos. O meia recebeu na direita, limpou a marcação dupla e bateu rasteiro no poste esquerdo.

A primeira chance de perigo criada pelo Corinthians saiu aos 29 minutos. Camacho lançou Gustavo Mosquito na área, Kagelmacher furou o corte e Mosquito finalizou cruzado para Dawson espalmar.

Roni teve boa chance para descontar o placar aos 41 minutos. Gustavo Mosquito deu bom passe para o volante na área, mas a finalização explodiu no travessão de Dawson.

No contra-ataque, o Peñarol ampliou o marcador aos sete minutos do segundo tempo. Ceppellini foi lançado na esquerda e encontrou Canobbio na área, com o meia batendo na saída de Cássio para balançar as redes.

Otero quase marcou um belo gol em Montevidéu. Aos 12 minutos, o venezuelano bateu falta lateral direto para a meta e carimbou o travessão de Dawson.

O Peñarol transformou o placar em goleada aos 23 minutos. Ceppellini aproveitou rebote do escanteio e cruzou para Álvarez Martínez finalizar para as redes.

LEIA MAIS: Grêmio vence Lanús e fica a um empate da classificação na Sul-Americana

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="763881" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]