Corinthians vence Cuiabá e segue colado no G-4 do Brasileiro

Jorge de Sousa

Corinthians vence Cuiabá e segue colado no G-4 do Brasileiro

O Corinthians venceu o Cuiabá por 3 a 2 na noite deste sábado (13) e se manteve colado na briga pelo G-4 do Campeonato Brasileiro.

Giuliano, Renato Augusto e Róger Guedes marcaram os gols da vitória do Corinthians na Neo Química Arena, em São Paulo. Pepê e Paulão descontaram para o Cuiabá

A vitória deixou o Corinthians com 50 pontos e na quinta posição do Campeonato Brasileiro, dois abaixo do quarto colocado Red Bull Bragantino.

Já o Cuiabá segue ameaçado pelo risco de rebaixamento, com 39 pontos, seis acima do Juventude – primeira equipe dentro do Z-4.

As duas equipes voltam a campo nesta quarta-feira (17). O Cuiabá recebe o Internacional, na Arena Pantanal, às 19h, enquanto o Corinthians viaja para duelar contra o Flamengo, no Maracanã, às 21h30.

CORINTHIANS SEGURA VITÓRIA APÓS PRESSÃO NA RETA FINAL DO JOGO

O Corinthians conseguiu abrir o placar logo aos dois minutos. Lucas Piton cruzou da esquerda e Giuliano apareceu livre na área para testar a bola no fundo das redes.

Walter evitou o segundo gol do Corinthians aos 25 minutos. Giuliano tabelou com Jô e da entrada da área finalizou rasteiro para o goleiro espalmar.

Nova chance do Corinthians aos 39 minutos. Róger Guedes bateu escanteio da esquerda e João Victor testou rente ao poste direito de Walter.

Só que o Cuiabá foi buscar o empate aos 46 minutos. Pepê avançou pela faixa central e da entrada da área finalizou no ângulo direito de Cássio.

O Corinthians retomou a liderança aos cinco minutos do segundo tempo. Róger Guedes tocou para Renato Augusto na entrada da área e o meia bateu colocado no ângulo direito de Walter.

Róger Guedes conseguiu balançar as redes aos 11 minutos. O atacante tabelou com Renato Augusto e na área finalizou em curva no canto direito.

O Cuiabá ainda conseguiu descontar o placar aos 32 minutos. Rafael Gava bateu falta lateral e Paulão passou por trás da zaga para completar para as redes.

LEIA MAIS: Aparecidense segura Campinense e leva título inédito da Série D

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="803385" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]