Corinthians vence Santos com gols “relâmpagos” pelo Paulista

Jorge de Sousa

Janderson - Everson - Corinthians - Santos - Campeonato Paulista - Copa Libertadores da América

Com um gol em cada primeiro minuto de jogo, o Corinthians venceu o Santos por 2 a 0 na manhã deste domingo (2), e voltou a vencer após duas rodadas do Campeonato Paulista.

O duelo válido pela quarta rodada do Paulistão foi realizado na Arena Corinthians, em São Paulo.

Everaldo e Janderson marcaram os gols da vitória do Corinthians.

O Corinthians reassumiu de forma provisória a liderança do Grupo D, com sete pontos, três cima do Guarani, que entra em campo ainda neste domingo contra o Santo André, em Campinas.

Já o Santos fica estacionado com sete pontos e pode ser ultrapassado pela Ponte Preta, que atua nesta segunda-feira (3), contra a Inter de Limeira fora de casa.

CORINTHIANS ESTREIA NA LIBERTADORES

O clássico contra o Santos iniciou uma semana decisiva para o Corinthians. Nesta quarta-feira (5), a equipe viaja para Assunção, no Paraguai, para encarar o Guaraní pelo confronto de ida da segunda fase preliminar da Copa Libertadores da América, às 21h30.

O duelo de volta será realizado no dia 12 de fevereiro, na Arena Corinthians. Quem avançar, irá enfrentar o Cerro Largo ou Palestino por uma vaga no Grupo B da Libertadores ao lado de Palmeiras, Bolívar e Tigre.

Já o Santos está classificado diretamente para a fase de grupos e por isso tem a semana de descanso, voltando a campo na próxima segunda-feira (10), quando recebe o Botafogo-SP na Vila Belmiro, às 20h.

CORINTHIANS NO CONTROLE

Raniel - Fagner - Corinthians - Santos - Campeonato Paulista - Copa Libertadores da América
Fagner deu assistência para um dos gols do Corinthians e teve boa participação na defesa. (Reprodução/Twitter Santos Futebol Clube)

O Corinthians abriu o placar logo no primeiro minuto. Cantillo inverte para Fagner, que cruza no segundo poste e encontra Everaldo. O atacante dominou e bateu cruzado para balançar as redes.

A primeira etapa seguiu dominado pelo Corinthians. Aos oito minutos, Janderson recebeu na esquerda e cruzou na medida para Luan escorar de cabeça perto do travessão.

Luan teve nova chance para ampliar o marcador aos dez minutos. Após bola rebatida na entrada da área, o meia pegou de primeira e a bola passou novamente acima do gol.

Aos 31 minutos, o torcedor do Corinthians levou um susto. Cássio se sentou no gramado e reclamou de indisposição, chegando quase a vomitar em campo. Após ser medicado, o goleiro voltou normalmente ao jogo.

Sidcley perdeu a chance mais clara da partida aos 38 minutos. Fagner cruzou no segundo poste para o lateral -que livre de marcação e a poucos passos do gol, bateu muito embaixo da bola e isolou a finalização.

No primeiro minuto do segundo tempo, o Corinthians conseguiu ampliar o marcador. Boselli recebeu no meio campo e fez belo lançamento para Janderson na entrada da área. O atacante esperou a saída de Everson para finalizar firme para as redes.

Na comemoração, Janderson foi até uma das escadas de acesso ao campo e comemorou com os torcedores. Pela comemoração, Luiz Flávio de Oliveira mostrou o segundo cartão amarelo para o atacante e o Corinthians ficou com dez jogadores em campo.

Aos sete minutos, o Santos criou sua melhor chance na partida. Em cobrança de escanteio da esquerda, Luan Peres ganhou da marcação pelo alto e escorou perto do poste esquerdo.

A única boa intervenção de Cássio na partida foi aos 11 minutos. Raniel arriscou da entrada da área e o goleiro foi bem ao espalmar.

O Corinthians respondeu aos 28 minutos. Boselli recebeu na área e deu bom passe por elevação para Gabriel, que bateu de primeira para bela defesa de Everson.

O Santos teve um gol polemicamente anulado aos 38 minutos. Eduardo Sasha recebeu cruzamento na área e ajeitou para Uribe escorar para o fundo das redes. Mas o árbitro Luiz Flávio de Oliveira assinalou que Sasha empurrou Fagner na disputa pelo alto.

 

Previous ArticleNext Article