Coritiba derrota o Vitória no Couto e entra no G4 da Série B; assista ao gol

Pedro Melo

Coritiba Vitória G4 Série B

O Coritiba derrotou o Vitória por 1 a 0 na noite desta terça-feira (22), no estádio Couto Pereira, e entrou pela primeira vez no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar de não jogar bem, o Coxa garantiu o resultado positivo com gol de Waguininho ainda no tempo inicial.

Essa é a segunda vitória consecutiva do Coritiba, que subiu para 10 pontos e assumiu a quarta colocação. A pontuação é a mesma de Brusque e CRB, primeiros times fora do G4, mas o saldo de gols alviverde é melhor que dos rivais. O Coxa ainda tem um jogo a menos contra o Brusque, que ainda não foi marcado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Do outro lado, o Vitória encerra a invencibilidade de três partidas e caiu para a 12ª colocação, com seis pontos, apenas dois a mais que o Cruzeiro, primeiro time na zona de rebaixamento.

Na próxima rodada, o Coritiba joga fora de casa contra o Guarani, na sexta-feira (25), às 19h, no Brinco de Ouro, em Campinas. No dia seguinte, o Vitória recebe o Londrina, às 18h30, no Barradão, em Salvador.

WAGUININHO MARCA O GOL DA SEGUNDA VITÓRIA CONSECUTIVA DO COXA

Mesmo jogando em casa, o Coritiba foi dominado pelo Vitória no começo da partida. O time baiano teve mais posse de bola e quase abriu o placar aos 30 minutos. Soares cobrou falta na área, Wallace ganhou da marcação no alto e cabeceou na trave.

O Coxa levou perigo pela primeira vez apenas aos 32, mas Igor Paixão cabeceou fraco nas mãos de Lucas Franco. No minuto seguinte, o contra-ataque alviverde foi fatal. Rafinha fez grande lançamento para Igor Paixão, que cruzou rasteiro para o meio da área. Waguininho se esticou todo e mandou de carinho para o fundo das redes.

No intervalo, o técnico Ramon Menezes abriu mão do esquema com três zagueiros e colocou mais um atacante. Pouco tempo depois, trocou de centroavante e colocou o jovem Samuel. Porém, o time baiano, que continuou com mais posse de bola, criou a primeira chance de perigo na bola parada. Aos 24, Gabriel Bispo cobrou falta rasteira e Wilson mandou para escanteio.

O time coxa-branca encontrou muitas dificuldades para sair do campo de defesa e só mexeu por ordem tática aos 43 minutos. A única substituição anteriormente foi a saída de Rafinha, que sentiu lesão. As entradas de Jhony Douglas, Luiz Henrique e Wellington Carvalho na reta final serviram para o alviverde reforçar o sistema defensivo e segurar a vantagem até o fim do jogo.

FICHA TÉCNICA – CORITIBA 1X0 VITÓRIA

6ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

Data, hora e local: terça-feira (22/06), às 21h30, no estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).

Coritiba: Wilson; Igor, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Willian Farias, Val (Wellington Carvalho) e Rafinha (Valdeci); Waguininho (Jhony Douglas), Léo Gamalho e Igor Paixão (Luiz Henrique). Técnico: Gustavo Morínigo.

Vitória: Lucas Arcanjo; Marcelo Alves, Wallace Reis e Mateus Moraes (Ygor Catatau); Cedric, Gabriel Bispo (Guilherme), Pablo Siles, Soares (Bruno Oliveira) e Pedrinho (Roberto); David e Dinei (Samuel). Técnico: Ramon Menezes.

Gol: Waguininho (CFC), aos 33′ do primeiro tempo.

Cartões amarelos: Rafinha, Wilson, Val e Jhony Douglas (CFC); Gabriel Bispo, Pablo e Wallace Reis (VIT).

Arbitragem: Douglas Marques Flores (SP), auxiliado por Miguel Cataneo da Costa (SP) e Fabrini Bevilaqua Costa (Fifa/SP).

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="771481" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]