Coritiba e Atlético não disputarão a Primeira Liga em 2017

Redação


A dupla Atletiba mostrou que não estava brincando quando ameaçou ficar fora da disputa da Primeira Liga em 2017. Em reunião nesta terça-feira (22), em Belo Horizonte, Atlético e Coritiba não concordaram com a divisão das cotas de TV e decidiram deixar o torneio. O Atlético Mineiro, que também chegou a ameaçar ficar fora por causa do calendário confirmou no final da tarde sua participação.

Por meio de nota oficial, o presidente Rogério Bacellar informou que o clube não aceitou diferenciações.  “Saímos da Primeira Liga por não concordar com as regras propostas. Não aceitamos a diferenciação e distinção entre os clubes. Queremos algo que seja bom para todos”, informou.

Segundo o presidente, o clube “foi um dos fundadores da Liga, realizou reuniões em Curitiba, contatou dirigentes de clubes e federações até que ela ganhasse força e representatividade. O objetivo central do projeto era fazer algo novo, com novas ideias, capaz de desenhar novos cenários na organização do esporte, prospectando uma mudança na engrenagem do futebol brasileiro”, ressaltou.
“As decisões internas da Liga quanto as regras de distribuição de receitas ofertadas pela emissora de televisão interessada na competição não agradaram o presidente do Coritiba e, principalmente, vão de encontro às pretensões do Coritiba na busca por um formato diferente de fazer futebol”, finalizou.

O Atlético foi representado por Mario Celso Petraglia. Em entrevista ao Blog Toqdiletra, logo após a reunião, Petraglia disse que “destruíram todos os princípios da Primeira Liga”. O clube ainda não se pronunciou oficialmente.

 

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="398744" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]