Coritiba escala mais um zagueiro contra o Santos; veja o time confirmado

O zagueiro Guillermo de los Santos é a grande novidade na escalação do Coritiba para enfrentar o Santos, pela Copa do Brasil - veja o time confirmado

Pedro Melo - 12 de maio de 2022, 20:33

(Divulgação/Coritiba)
(Divulgação/Coritiba)

O técnico Gustavo Morínigo decidiu reforçar o sistema de marcação e confirmou a escalação do zagueiro Guillermo de los Santos. O Coritiba enfrenta o Santos daqui a pouco, às 21h30, e busca a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil.

Guillermo de los Santos entra na vaga de Igor Paixão, que sofreu uma lesão em Florianópolis e retornou para Curitiba para iniciar o tratamento médico. O atacante, inclusive, não teve uma lesão grave e pode ser relacionado no jogo de domingo contra o América-MG.

Com a escalação do uruguaio, Morínigo adianta o lateral-direito Matheus Alexandre para jogar no sistema ofensivo. Além disso, o treinador muda o centroavante com Clayton no lugar de Léo Gamalho e troca Egídio por Guilherme Biro na lateral-esquerda.

A escalação do Coritiba para enfrentar o Santos tem Alex Muralha; Guillermo de los Santos, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Willian Farias, Andrey e Robinho; Matheus Alexandre, Clayton e Alef Manga.

O Coritiba venceu o Santos por 1 a 0 e joga pelo empate para avançar às oitavas de final da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA - SANTOS X CORITIBA

Onde assistir Santos x Coritiba pela Copa do Brasil: Amazon Prime Vídeo.

Data, horário e local: quinta-feira (12), às 21h30, na Vila Belmiro, em Santos (SP).

Santos: João Paulo; Madson, Emiliano Velázquez, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Rodrigo Fernández, Vinicius Zanocelo, Jhojan Julio e Ricardo Goulart; Léo Baptistão e Marcos Leonardo. Técnico: Lucas Ochandorena.

Coritiba: Alex Muralha; Guillermo de los Santos, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Willian Farias, Andrey e Robinho; Matheus Alexandre, Clayton e Alef Manga. Técnico: Gustavo Morínigo.

Arbitragem: Sávio Pereira Sampaio (DF), auxiliado por Alessandro Álvaro Rocha de Matos (BA) e Fabrício Vilarinho da Silva (GO).