Coritiba goleia Athletico Paranaense e fecha primeira fase do Paranaense como líder

Jorge de Sousa

Matheus Salles - Couto Pereira - Coritiba - Athletico Paranaense

Com um primeiro tempo arrasador, o Coritiba venceu o Athletico Paranaense por 4 a 0 na tarde deste domingo (15), encerrando a primeira fase do Campeonato Paranaense como líder.

Igor Jesus, Sabino, Matheus Salles (500° gol do Coritiba em Athletibas) e Rhodolfo marcaram os gols da vitória do Coritiba.

O duelo foi realizado em um Couto Pereira sem torcedores, após decisão da FPF (Federação Paranaense de Futebol) devido a pandemia de coronavírus. Esse foi o primeiro Athletiba disputado sem a presença de público.

O Coritiba irá encarar um novo clássico nas quartas de final do Paranaense, encontrando o Paraná Clube. No primeiro turno, a equipe alviverde venceu o rival por 1 a 0, em duelo realizado na Vila Capanema.

Já o Athletico terá pela frente o Londrina, equipe que venceu por 4 a 1 na Arena da Baixada na terceira rodada do Paranaense.

FC Cascavel contra Rio Branco e Operário contra o Cianorte fecham os confrontos das quartas de final do Campeonato Paranaense. PSTC e União Beltrão foram rebaixados.

NO AGUARDO DA FPF

A CBF confirmou neste domingo que irá paralisar todas as suas competições por tempo indeterminado, como forma de tentar evitar a concentração de pessoas e assim diminuir o contágio do coronavírus.

Mas a CBF deixou a cargo das federações estaduais a escolha da manutenção dos jogos. A tendência é que nesta segunda-feira (16) a FPF se reúna com os clubes e defina se o Paranaense será paralisado.

SEM PÚBLICO, MAS COM GOLEADA

Couto Pereira - Coritiba - Athletico Paranaense
Couto Pereira sem torcedores para evitar aglomeração e o contágio do coronavírus. (Geraldo Bubniak/AGB)

O Athletico Paranaense iniciou melhor a partida e criou duas boas chances no primeiros seis minutos. Alex Muralha evitou por duas vezes o gol aos cinco minutos, quando Khellven chutou de primeira na área e o goleiro espalmou, espalmando também a finalização de rebote de Reinaldo.

Já aos seis minutos, Reinaldo invadiu a área pela esquerda e finalizou firme, mas Alex Muralha conseguiu desviar a bola que ainda resvalou no travessão.

Mas aos dez minutos, Igor Jesus abriu o placar no Couto Pereira. Sabino lançou o atacante do campo de defesa, a dupla de zagueiros do Athletico não conseguiu fazer o corte e Igor finalizou rasteiro e Gabriel aceitou o chute.

Aos 19 minutos, Gabriel espalmou finalização de Igor Jesus. Na cobrança de escanteio, Rafinha cobrou no meio da área e Sabino testou firme para o chão e o goleiro novamente aceitou a finalização.

Ainda deu tempo de Matheus Salles marcar um belo gol aos 45 minutos. O volante recebeu na entrada da área e pegou muito forte na bola, sem dar chance para Gabriel.

O Coritiba seguiu comandando as ações na segunda etapa e Thiago Lopes quase fez um gol sem querer aos 11 minutos. Após lançamento da defesa, a bola acertou a chuteira do meia e foi em direção ao gol, mas Gabriel conseguiu defender em dois tempos.

Aos 15 minutos, foi a vez de Rafinha criar chance de perigo. O meia avançou pelo centro e da entrada da área e finalizou cruzado, com a bola passando rente do poste esquerdo.

Só que ainda faltava a “lei do ex” ser cumprida no Couto Pereira. Em seu primeiro Atletiba como jogador do Coritiba, Rhodolfo aproveitou rebote de uma cabeçada de Sabino na área e finalizou quase dentro do gol.

Previous ArticleNext Article