Coritiba: Léo Gamalho é um dos principais artilheiros da história da Copa do Brasil

O atacante Léo Gamalho foi o grande nome da classificação do Coritiba e se tornou um dos sete principais artilheiros da história da Copa do Brasil

Pedro Melo - 25 de fevereiro de 2022, 09:18

(Felipe Dalke/Coritiba)
(Felipe Dalke/Coritiba)

O atacante Léo Gamalho foi o grande nome da classificação do Coritiba para a segunda fase da Copa do Brasil ao marcar dois gols e dar uma assistência na goleada por 5 a 2 sobre o Bahia de Feira. A dobradinha em Feira de Santana colocou o centroavante como um dos sete maiores artilheiros da história da competição.

Com os dois gols, Léo Gamalho chegou a 25, mesmo número de Luis Fabiano, mas com um jogo a menos (36 a 37). O atacante do Coritiba só tem menos gols na Copa do Brasil que Fred e Romário, ambos com 36; Viola, com 29; Oséas e Paulo Nunes, com 28; e Dodô, com 26.

Léo Gamalho participa da Copa do Brasil pela 11ª vez na história e já foi artilheiro da competição três vezes. A primeira foi em 2014, quando marcou seis gols com a camisa do Santa Cruz. Três anos depois, ele jogou pelo Goiás e balançou as redes em cinco oportunidades. E em 2020, fez seis gols pelo CRB.

Em Feira de Santana, o centroavante ajudou com dois dos cinco gols da goleada do Coritiba sobre o Bahia de Feira. Depois do Coxa sair atrás, ele empatou de pênalti e virou ainda no primeiro tempo após um chute de fora da área.

"Aqui é muito difícil jogar, campo sintético a bola prende, é bem diferente. Precisou de um tempo de adaptação, a equipe deles conhece bem, tanto é que perdem muito pouco aqui. A gente está tentando ainda se adaptar ao campo, a gente melhorou da metade do primeiro tempo para o final e conseguiu fazer os gols", destacou Léo Gamalho, em entrevista ao sportv, no intervalo do jogo.

CONFIRA OS MAIORES ARTILHEIROS DA HISTÓRIA DA COPA DO BRASIL

  • Romário e Fred - 36 gols
  • Viola - 29 gols
  • Oséas e Paulo Nunes - 28 gols
  • Dodô - 26 gols
  • Léo Gamalho e Luis Fabiano - 25 gols