Coritiba perde para o Cruzeiro e fica cinco jogos sem vitória

Redação


O Coritiba continua sem vencer no Brasileirão. O Alviverde foi ao Mineirão e perdeu por 2 a 0 para o Cruzeiro e completou cinco partidas sem vitórias no Brasileirão. Os mineiros venceram com gols de Thiago Neves e Rafael Sóbis. Com o resultado o Cruzeiro foi a 14 pontos, na nona colocação e o Coritiba caiu para o oitavo lugar, com 15.

O primeiro gol saiu aos 37 minutos, quando Alisson tocou para Diogo, que foi à linha de fundo e cruzou na área, Thiago Neves chutou de primeira para marcar. No segundo tempo, aos 19, Léo chutou uma bola da defesa e sobrou diretamente para Rafael Sobis, o atacante passou pelo goleiro Wilson, tirou de William Matheus e ampliou o placar.

Apesar da derrota, o time paranaense acertou duas bolas na trave. Aos 26, Werley mandou cabeçada na trave e aos 30, Tiago Real chutou de primeira na marca do pênalti e acertou o travessão. A partir daí o Cruzeiro dominou o jogo e não demorou para iniciar sua vitória.

Na entrevista coletiva, o técnico Pachequinho lamentou o resultado e disse que a equipe não rendeu o esperado. “Hoje foi um jogo abaixo do que fizemos até agora na competição. Tivemos poucas situações de troca de passes, de pressão na bola. O Cruzeiro soube controlar isso e as coisas ficaram mais difíceis após o primeiro gol. Imaginávamos um segundo tempo melhor. Hoje estivemos abaixo do que imaginávamos como proposta de jogo”, comentou.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO X CORITIBA

Local: Estádio do Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Data: 25 de junho de 2017
Horário: 16 horas
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)

Cartões amarelos: Alecsandro e Léo

Gols: Thiago Neves, aos 37′ do primeiro tempo, Rafael Sóbis, aos 20′ do segundo

Cruzeiro: Fábio; Ezequiel, Léo, Caicedo e Diogo Barbosa; Lucas Romero (Hudson), Ariel Cabral, Robinho, Thiago Neves e Alisson; Rafael Sóbis. Técnico: Mano Menezes

Coritiba: Wilson; Léo, Werley, Márcio e William Matheus; Jonas, Galdezani e Tiago Real; Rildo, Henrique Almeida e Alecsandro. Técnico: Pachequinho

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="439036" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]