Coritiba perde para o Sport, aumenta jejum e se afunda de vez no Brasileirão 2020

Vinicius Cordeiro

coritiba sport brasileirão

O Coritiba foi batido pelo Sport por 1 a 0 neste domingo (13) e se complicou de vez no Campeonato Brasileiro 2020. Thiago Neves marcou o gol que selou o triunfo dos pernambucanos na Ilha do Retiro, em Recife, pela 25ª rodada da Série A.

O Coxa não vence há seis jogos. O último triunfo foi o 1 a 0 sobre o Atlético-GO pela 19ª rodada, no dia 31 de outubro. Também aumentou para três o número de jogos que a equipe não marca um único gol. Além disso, o técnico Rodrigo Santana, contratado no final de outubro, não venceu nenhuma partida no comando do time. São dois empates e quatro derrotas, aproveitamento de 11%.

Para piorar, o clube ainda vive um drama eleitoral. As eleições para definição do presidente deveriam ter acontecido ontem (12), mas a prefeitura de Curitiba proibiu a realização do pleito presencial por conta da pandemia de covid-19. Sem um consenso entre as três chapas, uma reunião do Conselho Deliberativo vai tentar encontrar uma saída nesta segunda-feira.

Com o resultado, o Coritiba permanece com 21 pontos e na 18ª posição da tabela. O problema principal é que o Sport, primeiro time fora de rebaixamento, chegou aos 28 pontos, mesma pontuação de Bahia e Athletico Paranaense. Ou seja, a diferença do time alviverde para escapar do rebaixamento subiu para sete pontos. Isso significa o clube precisará tirar a diferença em pelo menos três das 13 rodadas restantes.

O Coxa agora se prepara para o duelo contra o Botafogo, o lanterna da Série A. O duelo dos desesperados acontece no próximo sábado (19), às 21h, no Couto Pereira. No mesmo dia, só que às 19h, o Sport vai receber o Grêmio na Ilha do Retiro.

THIAGO NEVES MARCA E DEFINE VITÓRIA DO SPORT SOBRE O CORITIBA

O primeiro tempo foi morno, sem muitas chances claras de gol, mas com apenas ações do Sport. A primeira foi com Iago Maidana, que cabeceou pela linha de fundo. Depois disso o atacante Dalberto exigiu defesa do goleiro Wilson. A única chance alviverde foi um chute de longa distância do volante Hugo Moura. O gol saiu aos 37 minutos: Patric chegou na linha de fundo e cruzou para Thiago Neves bater firme.

No intervalo, Rodrigo Santana optou por mudar o time. Neílton e Yan Sasse entraram nos lugares de Matheus Bueno e Robson. A mexida surtiu um efeito inicial: no primeiro minuto, Neílton cobrou falta e Rhodolfo acertou o travessão.

Contudo, o Sport voltou a assustar e quase fez o segundo. Thiago Neves cobrou o escanteio, a bola desviou no meio do caminho e passou pelo goleiro Wilson, mas Sabino cortou em cima da linha. Depois disso, o arqueiro alviverde teve que aparecer outras duas vezes, primeiro em uma cabeçada de Dalberto e depois em uma pancada de Júnior Tavares.

Pelo Coxa, Neílton e Ricardo Oliveira, em cobrança de falta, pararam no goleiro Luan Polli. Mas a chance mais perigosa foi dos donos da casa. Dalberto recebeu de Thiago Neves e, de longe, soltou uma bomba e carimbou o travessão. No fim, o Leão administrou o jogo e garantiu a vitória.

VEJA O GOL DO JOGO

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="734268" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]