Coritiba x Santos: jogos pela Copa do Brasil serão com torcida única

A CBF aceitou o pedido de Coritiba e Santos e os jogos entre os times pela terceira fase da Copa do Brasil terão apenas a presença da torcida mandante.

Pedro Melo - 20 de abril de 2022, 15:02

(Divulgação/Coritiba)
(Divulgação/Coritiba)

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) aceitou o pedido de Coritiba e Santos e os jogos entre os times pela terceira fase da Copa do Brasil terão apenas a presença da torcida mandante. A decisão acontece depois da confusão entre as duas torcidas em volta da Vila Belmiro no último domingo.

A medida já vale para o jogo desta quarta-feira (20), às 19h30, no Couto Pereira, pela terceira fase da Copa do Brasil e também é valida para a volta no dia 12 de maio, na Vila Belmiro.

Os ingressos para a torcida do Santos chegaram a ser vendidos por algumas horas na terça-feira (19), mas o Coritiba suspendeu a comercialização após o pedido das diretorias. Até a torcida organizada santista chegou a fazer uma caravana para Curitiba e proibiu mulheres e crianças pela possibilidade de confusão.

CONFIRA A NOTA DIVULGADA POR CORITIBA E SANTOS

Devidos aos atos de violência entre torcidas ocorridos recentemente nas imediações da Vila Belmiro, em Santos, as diretorias do Coritiba Foot Ball Club e Santos Futebol Clube entenderam, em comum acordo, solicitar junto à Confederação Brasileira de Futebol que o confronto entre as equipes marcado para esta quarta-feira (20), às 19h30, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba, válido pela terceira fase da Copa do Brasil, seja realizado com torcida única.

Assim, no sentido da busca da preservação da vida humana, tendo em vista o curto espaço de tempo para a realização da partida, as duas instituições concordam que a solução ideal, para evitar novos incidentes, é a proibição de entrada de torcedores visitantes. De maneira a garantir o total êxito na realização da partida e conferindo a necessária segurança também à própria região da cidade em que ocorre a partida e aos seus moradores, Coritiba Foot Ball Club e Santos Futebol Clube solicitaram este pedido à CBF, corroborado pelo Ministério Público do Paraná segundo Notícia de Fato número 0046.22.058309-3.

A determinação da CBF também é válida para a partida de volta, no dia 12 de maio, na Vila Belmiro, tendo torcida única do Santos FC.