Futuro de Louzer e do Coritiba na Série B será definido em sequência ‘caseira’

Vinicius Cordeiro

coritiba série B Louzer

Os quatro próximos jogos do Coritiba na Série B podem selar o futuro do clube na competição e também a demissão do técnico Umberto Louzer. O primeiro duelo, pela 10.ª rodada, será contra o São Bento. A partida está marcada para essa terça-feira (16), às 19h15, no Couto Pereira (confira onde assistir abaixo).

Depois disso, o Coxa receberá o Vila Nova. Aí o clube viaja para Ponta Grossa, à 114km da capital paranaense, para encarar o Operário. Por fim, na 13.ª rodada, o Coritiba enfrenta o Botafogo-SP. Ou seja, o comandante de 39 anos terá uma sequência de partidas dentro do Paraná para alavancar a campanha da equipe na Segundona.

Apesar de não ter muito prestígio com a torcida, o diretor de futebol, Rodrigo Pastana, garantiu a permanência do técnico durante a pausa para a Copa América. No entanto, o cenário pode mudar com possíveis tropeços nas próximas rodadas. A pressão sobre ele aumentou ainda mais após a derrota, de virada, para o Criciúma. Pelo desempenho ruim da equipe, foi um reinício de campeonato inesperado no Alto da Glória.

“Desde que cheguei, sei da responsabilidade que esse cargo traz. A minha preocupação é com aquilo que é necessário fazer para que a equipe jogue bem e vença. O resultado te mantém empregado. Tenho certeza que daremos uma resposta diferente e que estarão nos empurrando”, disse Louzer em entrevista coletiva nessa segunda-feira (15), desconversando sobre a pressão que vem sofrendo sofre.

Hoje, o Coxa aparece na 11.ª colocação da Série B com 12 pontos, quatro atrás do G4. Entretanto, são outros seis adversários (Londrina, Figueirense, Sport, Paraná, CRB, Brasil de Pelotas e Criciúma) também estão na corrida por uma vaga na Série A de 2020.

NÚMEROS

Desde que assumiu, no dia 25 de fevereiro, Louzer soma 16 jogos pelo Estadual e pela Série B. São sete vitórias, cinco empates e quatro derrotas aproveitamento é de 54,16%.

No entanto, o número cai 44,4% se restringirmos aos jogos da Segundona. São três vitórias, três empates e três derrotas nas nove rodadas disputadas. Ou seja, uma campanha mediana e que acaba sendo refletida pela 11.ª posição na tabela.

No ano passado, nessa mesma época, o Coritiba era o terceiro lugar, com 17 pontos conquistados. Entretanto, os 63% de aproveitamento foram caindo ao passar do tempo e Eduardo Baptista acabou sendo demitido na 20.ª rodada.

EQUIPE

Para continuar no Coxa, Louzer aposta no forte ataque. Contratado na semana passada, Robson está regularizado e formará o trio de ataque ao lado de Rafinha e Rodrigão, artilheiro da Série B com sete gols. Por isso, a expectativa é que o time não sofra mais a dependência do seu camisa 9, autor de sete dos 10 gols marcados pelo Alviverde na competição.

O lateral Patrick Brey e o meia Giovanni se recuperaram de lesão, mas a possibilidade de começarem jogando foi descartada. Além disso, Juan Alano está suspenso e é desfalque.

A provável escalação do Coritiba deve ter: Wilson; Sávio, Walisson Maia, Sabino e Fabiano (William Matheus); Matheus Sales (João Vitor), Luiz Henrique, Thiago Lopes; Robson, Rafinha e Rodrigão.

FICHA TÉCNICA

Coritiba x São Bento –  10.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2019.

Data, hora e local: terça-feira (9), às 19h15, no estádio Couto Pereira, em Curitiba.

Onde assistir: O jogo terá transmissão pelo SporTV, menos para o Paraná, e no Premiere.

Coritiba: Wilson; Sávio (Felipe Mattioni), Sabino, Walisson Maia e Fabiano (William Matheus); Matheus Sales, Luiz Henrique, Thiago Lopes; Robson, Rafinha e Rodrigão. Técnico: Umberto Louzer.

São Bento: Henal; Régis, Guilherme Mattis, Elton e Guilherme Romão; Doriva, Vinícius Kiss e Fernandes; Cafu, Minho e Zé Roberto. Técnico: Doriva.

Arbitragem: Rodrigo Nunes de Sa apita o jogo e será auxiliado por Thiago Rosa de Oliveira e Andrea Izaura Maffra Marcelino de Sa. Todos são do Rio de Janeiro.

Previous ArticleNext Article