Cuca pede demissão do São Paulo e Tiago Nunes é comentado nos bastidores do clube

O técnico Cuca pediu demissão do São Paulo nesta quinta-feira (26), após a derrota por 1 a 0 para o Goiás. Agora, os nom..

Vinicius Cordeiro - 26 de setembro de 2019, 16:55

Divulgação / São Paulo
Divulgação / São Paulo

O técnico Cuca pediu demissão do São Paulo nesta quinta-feira (26), após a derrota por 1 a 0 para o Goiás. Agora, os nomes de Tiago Nunes, campeão da Sul-Americana 2018 e da Copa do Brasil 2019, e Fernando Diniz, ex-Fluminense, são nomes especulados no Tricolor paulista. A informação é do repórter André Henán, do Grupo Globo.

"Tem muita gente olhando com carinho para o Tiago Nunes, um cara que fez o Athletico-PR, outros defendem inovação com Fernando Diniz. São nomes que são sempre sugeridos ao presidente. Mas é claro, tudo é muito recente. Não existem nomes de consenso", disse ele no Seleção SporTV desta tarde.

Além disso, o momento ainda efervesce a crise de Rogério Ceni no Cruzeiro. Segundo a rádio Itatiaia, de Minas Gerais, o treinador deve sair após uma discussão com os jogadores no vestiário após o empate com o Ceará ontem. O zagueiro Dedé, um dos líderes do elenco, teria cobrado Ceni o motivo de Thiago Neves ter ficado no banco de reservas. O comandante ouviu as palavras do defensor, mas não respondeu e saiu do vestiário. O clima, segundo a apuração do repórter Samuel Venâncio, tornou-se insustentável.

Contudo, Ceni tem problemas sérios na relação com Leco, presidente do São Paulo. Com isso, é pouco provável que o ídolo retorne ao Tricolor.

Por enquanto, quem assume o cargo de treinador é Vágner Mancini, coordenador técnico. Ele estará no banco de reservas, pelo menos, diante o Flamengo.

O duelo, válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, acontece neste sábado (28), às 19h, no Maracanã.

Tiago Nunes pode receber uma oferta do São Paulo em breve (Geraldo Bubniak / AGB)

Cuca se despede do São Paulo com 26 jogos no comando técnico desde que assumiu o cargo, em fevereiro. Foram nove vitórias, 10 empates e sete derrotas, resultando um aproveitamento de 47,4% dos pontos.

O que mais decepcionou foi a não evolução da equipe. Foram apenas quatro gols marcados nos últimos sete duelos da Série A.

Ele teve problemas, principalmente de atletas machucados. O meia Hernanes e os atacantes Alexandre Pato, Pablo e Toró foram peças que desfalcaram o time em algumas rodadas, mas nem com a volta deles o time subiu de produção.

Isso fora as chegadas dos laterais Daniel Alves e Juanfran. E vale lembrar que o São Paulo, eliminado da Copa do Brasil e da Libertadores, teve semanas cheias de treinamentos nas últimas semanas.