De virada, Atlético-PR estreia no Brasileirão com goleada em cima da Chapecoense

Francielly Azevedo

O Atlético-PR estreou no Campeonato Brasileiro com goleada, por 5 a 1, em cima da Chapecoense, na noite deste domingo (15), na Arena da Baixada. A equipe do técnico Fernando Diniz saiu atrás no placar, mas correu atrás do prejuízo e completou 17 jogos sem perder como mandante. Além disso, sob o comando de Diniz são sete jogos de invencibilidade.

O rubro-negro iniciou a partida com controle total da posse de bola, a Chape tinha dificuldades para tomar as rédeas do duelo. Aos 12 minutos, Thiago Carleto bateu falta direto. Com efeito, a bola assustou Jandrei, que só espalmou. O rebote ainda bateu em Ribamar e voltou para o arqueiro.

O time catarinense apostou na formação defensiva, por isso, o Furacão pressionava, mas não conseguia furar o bloqueio do adversário. Apostando na calma, o rubro-negro trabalhava bem a bola e investia na troca de passes, pressionando, porém sem pressa de chegar ao gol. Nas jogadas de bola parada, Carleto levava perigo para Chape. Só que não foi no primeiro tempo que as redes balançaram.

Logo aos dois minutos do segundo tempo, o susto: a Chapecoense abriu o placar. Canteros cobrou falta na área e Wellington Paulista, livre, antecipou o goleiro Santos e cabeceou para as redes. O Atlético não se deixou abater e respondeu apenas quatro minutos depois. Na bola parada, Carleto levantou na área e Pablo, antecipando a marcação, cabeceou firme para empatar.


Só que a equipe atleticana queria mais e foi aos 13 que conseguiu a virada. Carleto levantou a bola, a zaga catarinense tentou fazer o corte, mas ela ficou solta na entrada da área e Nikão, sem desperdiçar, meteu o pé para fazer 2 a 1.

O rubro-negro seguiu na pressão e, aos 22 minutos, Carleto novamente foi cobrar falta. Dessa vez, o tiro foi certeiro. A barreira abriu e a bola morreu no cantinho direito da meta defendida por Jandrei.

Sem descansar, aos 43 minutos, Matheus Rosseto recebeu na pequena área, matou no peito, limpou o zagueiro e fez 4 a 1. E para completar a festa, no último minuto, aproveitando o contra-ataque, Éderson tocou na saída de Jandrei e finalizou o passeio: 5 a 1.

Nesta semana o Atlético-PR tem dois compromissos. Na quinta-feira (19), encara o São Paulo, às 19h15 (de Brasília), no Morumbi, na partida decisiva da Copa do Brasil. Já pelo Brasileirão, no domingo (22), a agenda é contra o Grêmio, em Porto Alegre, às 19h.

Post anteriorPróximo post
Avatar
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.