Depois de encarar os dois finalistas da última Superliga fora, Curitiba Vôlei se prepara para estreia em casa

Roger Pereira


A tabela da Superliga feminina de vôlei foi um tanto quanto ingrata para o Curitiba Vôlei, equipe paranaense estreante na principal competição nacional, após ter vencido a Superliga B na última temporada. O primeiro jogo da nova equipe na elite do voleibol nacional foi logo diante do maior vencedor da história da competição, o Rio de Janeiro, vice-campeão da última edição, fora de casa. Na segunda rodada, também fora de casa, o time paranaense teve pela frente o atual campeão, Praia Clube. Apesar de duas derrotas, a equipe deixou uma ótima impressão e, agora, prepara-se para buscar a primeira vitória na sua estreia em casa, na próxima sexta-feira, diante do Balneário Camboriú.

Depois de vender caro os dois primeiros sets na derrota por 3 a 0 para o multicampeão Sesc Rio de Janeiro, time do técnico Bernardinho e várias estrelas da seleção brasileira e do vôlei mundial, o Curitiba Vôlei fez ainda mais bonito na noite de terça-feira. Diante do atual campeão, o Dentil / Praia Clube, o Curitiba Vôlei chegou a vencer os dois primeiros sets. Acabou tomando a virada, mas somou o seu primeiro ponto na competição.

Atualmente na 10ª posição da tabela, a equipe Curitiba, agora, busca a primeira vitória, em sua estreia em casa, às 20h desta sexta-feira, no ginásio da Universidade Positivo, diante do Vôlei Balneário Camboriú, equipe que também ainda não venceu na competição.

“Estamos muito motivados com a estreia em casa. São 15 anos de espera e claro que a expectativa de todos é muito grande, porem temos que trabalhar com os pés no chão e serenidade, sabemos que será um jogo muito difícil. Vamos estrear em nossa nova casa, a Universidade Positivo, uma das melhores estruturas do País. Temos muito orgulho em vestir essa camisa e ter todos nossos patrocinadores e torcida assistindo ao jogo, com certeza nos dará uma energia positiva ainda maior. Claro que temos muito respeito por todas as equipes que serão nossas adversárias, mas estamos treinando forte para realizar um bons jogos em casa”, diz Clésio Prado, técnico do Curitiba Vôlei.

Para a estreia em casa, o Curitiba Vôlei criou uma campanha promocional em seu site oficial: quem comprar uma das camisetas do time, ganha um ingresso para assistir de pertinho ao jogo. A camiseta polo oficial custa R$ 80,00 e a básica, R$ 60,00 e deverá ser retirada no dia do jogo, uma hora antes, na bilheteria do ginásio.

A promoção foi criada justamente para a torcida estar em peso no Ginásio uniformizados vibrando com o Curitiba Vôlei. Será uma noite muito especial, afinal será o primeiro encontro oficial do time com a torcida em casa. Vale lembrar ainda que durante os jogos, os torcedores que estiverem uniformizados poderão participar de sorteios de vouchers, brindes de patrocinadores e, inclusive, ao final do jogo tirar foto com as atletas e comissão técnica.

Também há venda pelo Disk Ingressos: Inteira – R$ 24,00 e Meia – R$ 12,00, nas lojas física e virtual. Para os jogos em casa o estacionamento da UP será com valor fechado de R$ 5,00 o período.

Do elenco campeão da Superliga B, continuam no time a central e medalhista Olímpica Valeskinha, a líbero Ana Eliza Caetano de Camargo (Aninha), a oposta Aline Aparecida Siqueira (Wime), e a central Vivi Góes. “Temos uma equipe que mescla a experiência e a juventude. Um time que se fortalece dia após dia ciente dos desafios que irá enfrentar”, ressalta Clésio Prado, o primeiro parceiro de Emanuel no vôlei de praia. Há três meses treinando para a Superliga, a equipe está composta por 14 atletas, destas muitas vieram para reforçar a equipe para a nova temporada.

Previous ArticleNext Article
Roger Pereira
Repórter do Paraná Portal