Dominante, Brasil vence Tunísia na estreia do Pré-Olímpico de basquete

Folhapress

Brasil seleção brasileira basquete Pré-Olímpico

No jogo que era considerado fundamental para as pretensões do Brasil no Pré-Olímpico de basquete de Split, na Croácia, a seleção brasileira masculina venceu nesta terça-feira (29) a Tunísia, por 83 a 57. O técnico do Brasil, o croata Aleksandar Petrovic, considerava a vitória importante para garantir classificação para as semifinais da competição.

O Brasil volta à quadra nesta quarta-feira (30) para enfrentar a Croácia. Os dois primeiros colocados do grupo avançam às semifinais. Apenas o campeão do Pré-Olímpico garante lugar nos Jogos de Tóquio.

Petrovic optou por uma formação experiente para começar a partida, com Marcelinho Huertas , Alex, Vítor Benite, Bruno Caboclo e Lucas Mariano. A equipe começou bem a partida, mostrando compactação na defesa e boa variação de jogadas no ataque. A Tunísia tentava equilibrar o placar acelerando o jogo.

Mas, quando Petrovic começou a revezar os jogadores em casa, a seleção masculina dominou. Dos 12 jogadores à disposição, só Georginho não entrou. Todos os 11 marcaram pontos, sendo que 56% da pontuação da equipe veio do banco no primeiro tempo, que terminou com vitória brasileira por 43 a 31.

Com menos possibilidades de revezamento em quadra, a Tunísia cansou no segundo tempo, quando o Brasil abriu mais de 20 pontos de vantagem. Bem marcado, o time da Tunísia errava muitos arremessos e não conseguia o rebote para a segunda tentativa.

Vindos do banco, Yago e Anderson Varejão se destacavam em quadra. O jovem armador do Flamengo, de 22 anos, imprimiu muita velocidade, atrapalhando o sistema defensivo da Tunísia. Já o veterano pivô, de 33 anos, era soberano nos rebotes e nos arremessos na área do garrafão.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="772726" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]