É hoje: Athletico Paranaense enfrenta Junior Barranquilla pelo título da Copa Sul-Americana

Vinicius Cordeiro


Com expectativa de recorde de público da Arena da Baixada, Athletico Paranaense e Junior Barranquilla fazem nesta quarta-feira (12), às 21h45, a grande decisão da Copa Sul-Americana. Depois do empate por 1 a 1 no jogo de ida, o vencedor fica com a taça. Em caso de nova igualdade, a definição do campeão será na prorrogação e, consequentemente, nos pênaltis.

O Furacão, que lançou sua nova identidade visual ontem, luta pelo protagonismo no cenário internacional. Depois de bater na trave e ficar com o vice na Libertadores da América em 2005, o clube mira um título de expressão após 17 anos da conquista do Campeonato Brasileiro.

Depois de trabalhar na estrutura do clube, na construção e expansão do CT do Caju e da Arena, a diretoria atleticana quer que a instituição entre em um período onde seja protagonista, com conquistas e entre ótimos desempenhos.

Para inaugurar esse cenário com o pé direito, o técnico Tiago Nunes se preocupa com o Junior Barranquilla. Apesar do Athletico ter ótimos números dentro da Arena da Baixada nesta temporada – são 26 vitórias, sete empates e quatro derrotas em 38 jogos – o time colombiano criou muitas dificuldades para a equipe rubro-negra na primeira partida mesmo sem o atacante Teofilo Gutiérrez, que cumpriu suspensão. O destaque do time será titular, devendo entrar na vaga de Yony González, justamente o autor do gol do Junior no jogo de ida. Além disso, Germán Gutierrez cede o lugar na lateral esquerda para a volta de Gabriel Fuentes.

Já o Furacão não conta apenas com o zagueiro Paulo André e o meia Guilherme, machucados. O atacante Pablo, que saiu machucado aos 15 minutos do segundo tempo na última partida, foi reavaliado nesta semana, participou do último treino e não deve ser problema.

Athletico Paranaense x Junior Barranquilla

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR).
Data e horário: 12 de dezembro de 2018, quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília).
Árbitro: Roberto Tobar (Chile), auxiliado por Christian Schiemann (Chile) e Claudio Rios (Chile).
Árbitro de vídeo: Julio Bascuñan (Chile).

Athletico: Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi, Lucho González e Bruno Guimarães; Marcelo Cirino (Rony), Raphael Veiga e Nikão; Pablo. Técnico: Tiago Nunes.

Junior: Viera; Marlon Piedrahita, Jefferson Gómez, Rafael Pérez e Gabriel Fuentes; Víctor Cantillo, James Sánchez, Luis Narváez e Jarlan Barrera; Luis Díaz e Téo Gutiérrez. Técnico: Julio Comesaña.

Previous ArticleNext Article