Eliminatórias Sul-Americanas são suspensas por FIFA e Conmebol devido à covid-19

Redação

eliminatórias sul-americanas copa do mundo 2022 suspensas fifa conmebol

A duas rodadas das Eliminatórias Sul-Americanas previstas para março de 2021 estão suspensas. A decisão foi anunciada neste sábado (6) após reunião com o presidente da FIFA (Federação Internacional de Futebol), Gianni Infantino, e dirigentes da Conmebol.

O cenário da pandemia de covid-19 é o motivo do adiamento dos jogos. Os clubes europeus já se posicionaram que não vão liberar os atletas sul-americanos. Em tese, as equipes são obrigadas a ceder os jogadores. No entanto, o atual protocolo exige um período de isolamento de 10 dias na chegada de pessoas aos países europeus. Isso resultaria na ausência dos atletas em jogos decisivos da temporada, o que fez a FIFA retirar a obrigatoriedade.

Além disso, vale ressaltar que o mundo se assusta com a nova variante do coronavírus, chamada de P1 e descoberta em Manaus.

“O Conselho da CONMEBOL resolveu suspender a rodada dupla das Eliminatórias para o Catar 2022 prevista para março. A decisão obedece a impossibilidade de contar em tempo e forma com todos os jogadores sul-americanos”, publicou a entidade.

Apesar da suspensão, ainda não há definição sobre quando as partidas devem ser disputadas.

RODADAS ELIMINATÓRIAS DA COPA DO MUNDO DE 2022 SÃO SUSPENSAS

As Eliminatórias Sul-Americanas são disputadas com jogos de ida de volta entre todas as 10 seleções: Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

Os quatro primeiros se classificam direto para a Copa do Mundo 2022, que será realizada no Catar, e o quinto lugar disputará vaga na repescagem contra uma seleção de outro continente.

Com 100% de aproveitamento, a seleção brasileira comandada por Tite lidera as Eliminatórias com 12 pontos. A Argentina, com dois pontos a menos, aparece na segunda posição.

Previous ArticleNext Article