Em busca da segunda vitória, Londrina encara o Paysandu em Belém

Após vencer o Boa Esporte por 1 a 0 na estreia da Série B, o Londrina agora encara o Paysandu na segunda rodada, às 21h3..

Francielly Azevedo - 20 de abril de 2018, 08:19

Foto: Fernando Torres &#124 Paysandu
Foto: Fernando Torres &#124 Paysandu

Após vencer o Boa Esporte por 1 a 0 na estreia da Série B, o Londrina agora encara o Paysandu na segunda rodada, às 21h30 (de Brasília), no estádio Curuzu, em Belém (PA). O adversário é um velho conhecido do técnico Marquinhos Santos, que comandou o time paraense entre junho de 2017 e fevereiro deste ano.

O treinador fez mistério em relação a escalação do Tubarão. O certo é que não poderá contar com Romisson, que está fora em função de uma entorse no tornozelo. Como opções, Marquinhos tem os volantes Lorenzi e Matheus Olavo. Mas, há a possibilidade do técnico montar uma equipe com três zagueiros, dessa maneira Leandro Almeida compõe o trio junto com Luizão e Lucas Costa.

Além disso, o atacante Dagoberto, responsável pelo gol alviceleste no jogo passado, teve uma lesão na coxa confirmada e também é desfalque.

Com isso, o provável Tubarão tem Vágner; Reginaldo, Luizão, Lucas Costa e Roberto; Moisés, Matheus Olavo (Leandro Almeida) e Dudu Figueiredo; Marcelinho, Wesley e Safira (Dalberto).

O duelo é comandado pelo árbitro Dênis da Silva Ribeiro Serafim, auxiliado por Pedro Jorge Santos de Araújo e Rondinelle dos Santos Tavares, ambos de Alagoas.

  • Após cirurgia, goleiro César já faz trabalhos de transição no Londrina

O ADVERSÁRIO

O Paysandu vem da vitória fora de casa por 1 a 0, em cima da Ponte Preta. Este será o reencontro do time bicolor com o torcedor, que deve usar a força da torcida para ir pra cima do Londrina.

O técnico Dado Cavalcanti não deve promover grandes mudanças na equipe. A única novidade deve ser o atacante Claudinho, regularizado no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

A provável escalação tem Renan Rocha; Perema, Edimar e Diego Ivo; Matheus Silva, Nando Carandina, Pedro Carmona e Mateus Muller; Moisés, Cassiano e Mike.