Em jogo de viradas, Sport bate o Atlético-MG, em Recife

Primeiro foi o elenco mais valioso do Brasil em plena Arena Palmeiras, agora, o então vice-líder do Campeonato. O Sport ..

Roger Pereira - 30 de maio de 2018, 21:56

Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife
Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife

Primeiro foi o elenco mais valioso do Brasil em plena Arena Palmeiras, agora, o então vice-líder do Campeonato. O Sport mostro que é uma das sensações deste Brasileirão ao derrotar, nesta quarta-feira, o Atlético-MG por 3 a 2, na Ilha do Retiro, em mais uma com reviravoltas no placar na campanha do time pernambucano.

Rogério, Gabriel e Michel Bastos marcaram para o time rubro-negro, que chegou a sofrer a virada, no segundo tempo, mas tratou de virar o marcador também, a seu favor, repetindo o placar do final de semana, contra o Palmeiras.

Com a vitória, o time do técnico Claudinei Oliveira subiu momentaneamente para a terceira colocação, com os mesmos 14 pontos dos líderes Internacional e Flamengo. No próximo sábado, o adversário será o próprio Inter, em Porto Alegre.

Em cinco minutos de bola rolando, Sport e Atlético-MG já tinham finalizado de dentro da área uma vez cada. Uma mostra de que as duas equipes que mais chutam a gol no Brasileirão fariam um jogo de muitas chegadas ao ataque e, sobretudo, bolas na rede.

Aos 19 minutos, Magrão precisou fazer uma defesa fantástica, salvando uma cabeçada à queimar roupa, para salvar o Leão. Aos 25, nova boa interceptação do goleiro, num chute de Roger Guedes de longa distância. Mas a resposta dos rubro-negros foi bem mais eficiente.

Quatro minutos depois, Anselmo, do campo de defesa, fez um lançamento rasteiro perfeito para Rogério, que driblou o goleiro e abriu o placar. No fim da primeira etapa, o próprio Rogério por pouco ampliou, de cabeça.

Na volta do intervalo, o jogo passou a ficar mais emocionante. Com apenas três minutos, Cazares empatou para o Galo, e o clima ficou um pouco tenso. Tensão que aumentou ainda mais aos 20, quando Ricardo Oliveira virou o placar para os mineiros.

Mas foi por pouco tempo. Apenas dois minutos depois, Gabriel recebeu de Rafael Marques, que fez um belo pivô, e marcou um golaço da entrada da área, empatando novamente a partida. Na jogada seguinte, depois de quatro minutos, pênalti para o Sport.

Na cobrança, Michel Bastos tirou do goleiro com categoria para recolocar os pernambucanos t na vantagem e anotar o seu primeiro gol com a camisa rubro-negra, no seu jogo de estreia no estádio rubro-negro. A tensão só voltou à Ilha, quando o árbitro deu mais de sete minutos de acréscimos para terminar a partida.

Se o Sport encosta nos líderes, com 14 pontos, o Galo, com 13, caiu para sexto lugar e ainda pode perder mais posições com a conclusão da rodada.