Cianorte: “A gente chega muito preparado”, afirma João Burse, sobre jogo com o Santos

Pedro Melo

João Burse Cianorte Santos Copa do Brasil

O Cianorte se prepara para um dos momentos mais importantes de sua história. Nesta terça-feira (01º), às 19h, o Leão do Vale inicia a disputa da terceira fase da Copa do Brasil contra o Santos e busca uma vaga inédita para as oitavas de final. O sucesso dentro de campo é fruto de um trabalho a longo prazo que é liderado na beira do gramado pelo técnico João Burse.

Convidado na live do YouTube do Paraná Portal, Burse destacou a importância do confronto não apenas dentro de campo. “É a segunda vez na história do clube que chega à terceira fase. Na primeira vez, em 2018, conseguiu o CT do clube, com estrutura bacana de dois campos, academia e todo o suporte. Chegando à terceira fase pelo segundo ano, nós já conseguimos melhorar a parte de fisioterapia, fisiologia e análise de desempenho. É muito importante para a melhoria do clube e que os atletas possam ter mais estrutura para atingir o objetivo”, afirmou.

TEMPO ENTRE O FIM DO ESTADUAL E O JOGO DA COPA DO BRASIL

Após a queda nas quartas de final do Campeonato Paranaense para o Londrina e o fim da maratona pelo estadual, o Cianorte teve dez dias de preparação para o jogo da Copa do Brasil. Segundo o treinador, o período foi importante para recuperar os jogadores e até algumas mudanças no grupo. “Nós aproveitamos para recuperar os atletas do desgaste, alguns atletas chegaram também e já conheceram nosso modelo de jogo. Foi muito positivo e hoje temos uma equipe preparada. A gente chega muito preparado para esse grande jogo”, comentou.

Uma classificação passa muito pela boa atuação dos destaques da equipe: o meia Gabriel Calabrês, revelado pelo Santos, e o atacante Pachu, vice-artilheiro do estadual com seis gols. “O Calabrês começou a formação no Mogi Mirim e teve na base do Santos. São dois atletas com potencial e que bom que estão se desenvolvendo no profissional do Cianorte. São atletas que nos deixam feliz e esperamos que possam fazer um grande jogo”, elogiou o comandante.

SITUAÇÃO DO SANTOS

O confronto da Copa do Brasil acontece em um momento ruim do Santos, que caiu na fase de grupos da Libertadores e perdeu para o Bahia por 3 a 0 na primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar do adversário não estar na melhor fase, João Burse pede atenção ao time.

“É fato que o Santos não vive um bom momento, mas é um clube grande e com muitos talentos. A gente sabe quais situações podemos explorar e onde precisamos tomar cuidado. Que esperamos fazer um bom jogo e conquistar os objetivos”, afirmou o técnico.

FIM DE SEMANA COMEÇA A SÉRIE D

O Cianorte também se prepara para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro. Com os pés no chão, o clube quer crescer no cenário nacional. “Desde que quando cheguei ao clube, ficou claro que precisávamos da vaga na Copa do Brasil para ter receita para o clube. É o que está acontecendo. Foram quase R$ 3 milhões de receita para o clube chegando à terceira fase, e vamos buscar por mais. A Série D é um grande objetivo também para chegar à Série C”, declarou o treinador.

Sob o comando de João Burse, o Leão do Vale estreia na Série D no sábado (05), às 19h, contra a Portuguesa, no Canindé. Os outros times do Grupo A7 são Bangu, Boavista, Inter de Limeira, Madureira, Santo André e São Bento.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="767549" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]