Espanha x Eslováquia na Eurocopa: Veja como assistir ao vivo e confira as escalações

Eslováquia x Espanha se enfrentam nesta quarta-feira (23  pela última rodada da fase de grupos do Grupo E da Eurocopa - ..

Redação - 23 de junho de 2021, 12:15

(Divulgação/@SeFutbol)
(Divulgação/@SeFutbol)

EslováquiaEspanha se enfrentam nesta quarta-feira (23  pela última rodada da fase de grupos do Grupo E da Eurocopa - veja onde assistir ao vivo e confira as escalações!

O jogo começa às 13h (horário de Brasília) e acontece no estádio La Cartuja, em Sevilha.

ONDE ASSISTIR ESPANHA x ESLOVÁQUIA AO VIVO

O jogo entre Eslováquia e Espanha tem transmissão exclusiva do SporTV.

Precisando da vitória, o técnico Luis Henrique escalou o time com: Unai Simón; Azpilicueta, Laporte, Eric García e Gayà; Busquets, Pedri e Koke; Gerard Moreno, Morata e Sarabia. Ou seja, Sarabia fará trio de ataque com Moreno e Morata, que atuaram mais isolados nos primeiros jogos. Além disso, Gayà toma o lugar de Jordi Alba na lateral-esquerda.

Do outro lado, a Eslováquia está definida com: Dúbravka; Pekarík, Satka, Skriniar e Hubocan; Kucka e Hromada; Haraslín, Hamsík e Mak; Duda.

Vale lembrar que o duelo decide quem avança na Eurocopa. A Eslováquia é a segunda colocada do Grupo E com três pontos. Já na Espanha aparece em terceiro lugar e tem dois pontos, mesma pontuação da Polônia. A Suécia, com quatro pontos, lidera a chave.

Ou seja, os espanhóis precisam vencer a primeira partida para se garantir na próxima fase. Em caso de empate, a Eslováquia torce por um tropeço dos poloneses para se classificar em segundo lugar.

Vale lembrar que os quatro melhores terceiros colocados também se classificam, mas é preciso de quatro pontos.

FICHA TÉCNICA

Última rodada do Grupo E da Eurocopa

Data, hora e local: quarta-feira (23/06/2021), às 13h, no estádio La Cartuja, em Sevilha.

Onde assistir o jogo da Espanha ao vivo: SporTV.

Eslováquia: Dúbravka; Pekarík, Satka, Skriniar e Hubocan; Kucka e Hromada; Haraslín, Hamsík e Mak; Duda. Técnico: Stefan Tarkovic.

Espanha: Unai Simón; Azpilicueta, Laporte, Eric García e Gayà; Busquets, Pedri e Koke; Gerard Moreno, Morata e Sarabia. Técnico: Luís Henrique.