Ex-atacante do Athletico deixa Kiev em trem com outros brasileiros

O atacante Vitinho, ex-Athletico, conseguiu deixar Kiev, capital da Ucrânia, em um trem junto com outros brasileiros e os respectivos familiares

Pedro Melo - 26 de fevereiro de 2022, 13:50

Atacante Vitinho (a esq.) com outros brasileiros no trem para sair de Kiev. (Reprodução)
Atacante Vitinho (a esq.) com outros brasileiros no trem para sair de Kiev. (Reprodução)

O atacante Vitinho, ex-Athletico e que joga no Dínamo de Kiev, conseguiu deixar Kiev, capital da Ucrânia, em um trem junto com outros brasileiros e os respectivos familiares. Todos estavam em um bunker de um hotel na capital ucraniana, onde estavam durante a guerra contra a Rússia.

Os jogadores de Shakthar Donetsk e Dínamo de Kiev saíram da Ucrânia se dividiram em carros e foram em comboio até a estação de trem. Eles embarcaram rumo a Chernivtsi, próximo das fronteiras com Moldávia e Romênia, onde vão pegar um ônibus para deixar o país que está em guerra.

De acordo com o zagueiro Marlon Santos, ex-Corinthians e jogador do Shakthar, a segurança da escolta foi feita pela Uefa e a Federação Ucraniana de Futebol. "A embaixada brasileira deu essa opção de trem para nós. Quem deu toda a segurança de escolta até a estação de trem foi a UEFA, junto com a Federação Ucraniana de Futebol. Muito obrigado a todos. Sem palavras para agradecer!", postou.

Já a esposa de Marlon, Maria Paula Marinho, transmitiu ao vivo pelo Instagram parte do trajeto e contou que tudo aconteceu muito rapidamente. "Foi uma correria, porque fomos avisados de última hora. Estamos todos os brasileiros juntos. Estamos indo para a estação de trem, foi informado que está com trem para sair agora", contou em lágrimas.

Na noite anterior, todos os brasileiros que jogam no Shakthar Donetsk e Vitinho, do Dínamo de Kiev, optaram por não pegar o trem pela falta de segurança. Eles não se sentiam seguros de andar a pé até o trem que foi oferecido pelo Itamaraty como opção para chegar próximo da fronteira. O grupo ainda citou que os companheiros portugueses deixaram Kiev em carros da Embaixada portuguesa.

FAB DISPONIBILIZA AVIÕES PARA BRASILEIROS QUE SAÍRAM DA UCRÂNIA

A Força Aérea Brasileira (FAB) informou que dois aviões KC-390 Millennium estão de prontidão para buscar os brasileiros que deixaram a Ucrânia. Porém, ainda não informado quando e em quais cidades eles serão resgatados.

"As aeronaves são do mesmo modelo utilizado em outras missões humanitárias internacionais: o transporte de donativos para as vítimas da explosão em Beirute, capital do Líbano, em 2020; e o apoio emergencial à tragédia causada pelo terremoto ocorrido em agosto de 2021 no Haiti", postou a FAB, nas redes sociais.