FC Cascavel joga mal, perde para o Avaí por 2 a 0 e se despede da Copa do Brasil

Rafael Nascimento


O FC Cascavel está fora da Copa do Brasil 2021. Em noite de pouca inspiração, a equipe foi presa fácil para o Avaí e perdeu por 2 a 0 na noite desta quinta-feira (15), em jogo único pela segunda fase da competição.

A partida foi realizada no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, sem a presença de público devido aos protocolo de combate à covid-19.

Júnior Dutra, no primeiro tempo, e Giovanni na etapa final, marcaram os gols do Leão da Ilha. 

Garantido na terceira fase da Copa do Brasil, o time catarinense recebe R$ 1,7 milhão pela classificação.

Além da eliminação, a derrota marca ainda o fim da invencibilidade do FC Cascavel, líder isolado do Campeonato Paranaense, na temporada.

Apesar de o Estadual ser retomado a partir deste final de semana, o Federação Paranaense de Futebol (FPF) ainda não homologou o próximo jogo do FC Cascavel na disputa. 

Já o Avaí volta a campo no domingo (18) às 16h contra o Hercílio Luz, novamente na Ressacada, pela 10ª rodada do Campeonato Catarinense – um empate garante o Leão da Ilha na próxima fase da competição.

IRRECONHECÍVEL EM CAMPO, FC CASCAVEL É DOMINADO PELO AVAÍ

Na condição de mandante, o Avaí propôs o jogo desde os minutos iniciais e naturalmente povoou o campo do FC Cascavel. Marcos Serrato, duas vezes, finalizou ao gol de Ricardo, mas com pouca qualidade.

Giovanni experimentou de longa distância aos 24 minutos, obrigando Ricardo a se esticar. O time catarinense balançou as redes em cabeçada de Júnior Dutra aos 31 minutos, após cobrança de escanteio, mas o centroavante estava impedido.

Com média inferior a um gol por jogo na temporada, o Avaí seguiu criando chances efetivas de gol, mas sem capricho no último passe. Após boa troca de passes, Giovanni, com liberdade e de frente para o gol, isolou a bola, aos 34 minutos.

Longe do desempenho que o levou a liderança isolada do Campeonato Paranaense e até a segunda fase da Copa do Brasil, o FC Cascavel foi completamente envolvido pelo time da casa, e pagou caro por isso no fim do primeiro tempo. 

De tanto pressionar, o Avaí abriu o placar aos 47 minutos: Vinícius Leite alçou a bola na cabeça de Júnior Dutra, que testou firme no cantinho do gol de Ricardo, sem chance de defesa: 1 a 0.

SERPENTE MUDA A POSTURA NA ETAPA FINAL, MAS NÃO EVITA A DERROTA

O técnico Tcheco aproveitou o intervalo para dar um chacoalhão em seus comandados e promoveu mudanças que melhoraram a saída de jogo da equipe paranaense.

Só que o Avaí se manteve bem no jogo e por muito pouco não ampliou logo aos 3 minutos, mais uma vez com Júnior Dutra.

A Serpente respondeu com dois botes, em finalizações de Léo Itaperuna e João Pedro, mas as investidas foram para fora.

Só que os mesmo tempo em que se lançava ao ataque, o FC Cascavel cedia espaços ao time da casa. Os catarinenses chegaram ao segundo gol aos 20 minutos, após arremate de Giovanni na gaveta: 2 a 0.

Confortável em campo, o Avaí administrou o jogo e ainda balançou as redes mais uma vez, aos 30 minutos, com Gabriel, mas o lance foi anulado por impedimento. 

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="757825" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]