Fernando Diniz é demitido do Atlético-PR na reapresentação da equipe

Fernando Diniz não é mais o técnico do Atlético-PR. A decisão foi anunciada pela diretoria do clube nesta segunda-feira ..

Napoleão Almeida - Folhapress - 25 de junho de 2018, 10:09

Foto: Rodolfo Buhrer &#124 La Imagem
Foto: Rodolfo Buhrer &#124 La Imagem

Fernando Diniz não é mais o técnico do Atlético-PR. A decisão foi anunciada pela diretoria do clube nesta segunda-feira (25), na reapresentação da equipe depois do recesso dentro da Copa do Mundo da Rússia.

O técnico não resistiu à pressão da torcida e de conselheiros, que era crescente desde a derrota por 2 a 0 para o Botafogo, antes da pausa para o Mundial.

Diniz deixa o Atlético com um aproveitamento de 25% no Brasileirão e na penúltima posição, com noves pontos, três atrás do Vitória, primeira equipe fora da zona de rebaixamento.

O treinador foi demitido por decisão de Mario Celso Petraglia. O presidente do Conselho Deliberativo do clube, no entanto, havia declarado diversas vezes que não mudaria o técnico por estar em sintonia com o projeto e disse inclusive que não se importaria com uma queda para a Série B.

Badalado pelo vice-campeonato paulista de 2016 à frente do Audax-SP, Fernando Diniz chegou ao Atlético após uma complicada negociação com Clarence Seedorf, que acabou não fechando contrato.

Diniz deixou o Guarani para assumir o Atlético já no início de janeiro, mas por uma estratégia do clube só fez seu primeiro jogo com o elenco principal no dia 30, pela Copa do Brasil, contra o Caxias, enquanto o elenco de aspirantes disputava o Estadual.

O treinador fez 21 jogos no comando atleticano, com 5 vitórias, 7 empates e 9 derrotas, um aproveitamento de 34,9% dos pontos disputados no total.

Um novo técnico deverá ser anunciado nos próximos dias. O elenco deve ficar sob a tutela do auxiliar técnico e ex-jogador Kelly ou do técnico dos aspirantes Tiago Nunes, possíveis nomes para o reinício dos trabalhos.