Flamengo vence Fluminense no primeiro jogo da final do Carioca, mas Gabigol é expulso

Redação

flamengo fluminense carioca decisão

O Flamengo derrotou o Fluminense por 2 a 1 neste domingo (12) e abriu vantagem na final do Campeonato Carioca 2020. O jogo, realizado sem público no Maracanã, ficou marcado por mais uma transmissão histórica no Youtube com mais de três milhões de acessos simultâneos no canal da TV Flu. Pedro abriu o placar pelo Rubro-Negro e viu Evanílson igualar o marcador pelo Tricolor. No fim, Michael decretou o triunfo flamenguista. Apesar do resultado, o Fla perdeu Gabigol para a grande decisão após o atacante ter sido expulso nos acréscimos da etapa final.

O segundo jogo será realizado na próxima quarta-feira (15), às 21h, no Maracanã. Já que o mando é do Flamengo, o clube acertou que a partida terá transmissão na TV aberta, pelo canal SBT, responsável por alterar o horário. Inicialmente, o Fla-Flu seria realizado às 21h30.

Por causa da vitória, o empate no próximo jogo garante o título ao Flamengo.

FLUMINENSE LUTA, MAS NÃO ARRANCA O EMPATE

O Fluminense até começou bem no jogo, mas não criou nenhuma grande chance clara de gol. O Flamengo passou a equilibrar as ações ofensivas e abriu o placar aos 28 minutos do primeiro tempo.

Arrascaeta e Diego trocaram passes rápidos pelo meio e a bola ficou limpa para Pedro soltar uma pancada e superar o goleiro Muriel.

Contudo, o Fluminense voltou melhor do intervalo e atuou bem nos 45 minutos finais. O goleiro Diego Alves fez duas grandes defesas em chutes de Yago Felipe, mas não evitou o gol de Evanílson após cruzamento de Egídio. Na jogada, o zagueiro Gustavo Henrique, novidade no time titular de Jorge Jesus, falhou e ajudou o time das Laranjeiras.

Na última boa chance do Tricolor, Caio Paulista bateu por cima do gol. No fim, restou ao Flamengo cadenciar o jogo.

GABIGOL DÁ ASSISTÊNCIA, MAS É EXPULSO E DESFALCA O FLA NA DECISÃO

Gabriel Barbosa fez um grande jogo e foi fundamental no gol da vitória. Foi ele quem arrancou pelo lado direito e venceu Egídio com habilidade para cruzar rasteiro e Michael garantir o triunfo.

Contudo, nos acréscimos do segundo tempo, ele foi expulso. O técnico Jorge Jesus pediu para fazer a substituição de Rodrigo Caio por Léo Pereira e o árbitro entendeu que Gabigol estava fazendo cera no momento. Por isso, aplicou o segundo cartão amarelo e expulsou o atacante do Fla.

Vale lembrar que Bruno Henrique não atuou hoje por um edema na coxa. Com isso, existe possibilidade de Michael iniciar como titular e atuar ao lado de Pedro, que balançou as redes nos dois últimos jogos.

Previous ArticleNext Article