Fluminense vence Corinthians e deixa rival perto da zona de rebaixamento

Jorge de Sousa

Fluminense vence Corinthians e deixa rival perto da zona de rebaixamento

O Fluminense venceu o Corinthians por 2 a 1 na tarde deste domingo (13) para subir na tabela e deixar o rival na beira da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

Nenê marcou os dois gols da vitória do Fluminense, enquanto Mateus Vital descontou para o Corinthians.

O duelo foi realizado no Maracanã, no Rio de Janeiro, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

A vitória deixa o Fluminense na oitava posição com 14 pontos ganhos, enquanto o Corinthians segue estacionado com nove pontos e na 14ª colocação.

Na 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Corinthians irá receber o Bahia na Neo Química Arena, nesta quarta-feira (16), às 21h30. Já o Fluminense viaja para enfrentar o Sport na Ilha do Retiro, no próximo domingo (20), às 20h30.

FLUMINENSE NO TALENTO DE NENÊ CHEGA A VITÓRIA

O Fluminense conseguiu abrir o placar logo aos sete minutos de jogo. Calegari fez a jogada pela direita e cruzou na marca do pênalti para Nenê. O meia foi travado no primeiro chute, mas conseguiu novo remate deitado no gramado e a bola entrou no canto direito de Cássio.

O Corinthians conseguiu responder apenas na bola parada. Aos 19 minutos, Otero arriscou falta da intermediária e carimbou o travessão de Muriel.

Nenê teve noa chance para marcar aos 27 minutos. O meia recebeu na grande área, girou sobre a marcação, mas bateu por cima da meta.

A bola para seguiu como única forma do Corinthians levar perigo ao Fluminense. Aos 37 minutos, Otero (mais uma vez) bateu falta da intermediária, a bola caiu rápido e Muriel quase foi enganado, mas deu um tapa para escanteio.

Cássio salvou o segundo gol do Fluminense aos 48 minutos. Calegari cruzou da direita e Danilo Barcelos apareceu livre no segundo poste para cabecear, mas o goleiro espalmou para linha de fundo.

A primeira chance criada pelo Corinthians na segunda etapa saiu apenas aos 14 minutos. Everaldo recebeu na entrada da área, abriu para chutar, mas finalização em cima de Muriel.

Aos 16 minutos, o Corinthians teve um gol anulado. Michel foi lançado em posição de impedimento na direita e cruzou para Everaldo marcar de peixinho. O lance foi assinalado em campo e o VAR confirmou a decisão.

Nino perdeu boa chance para ampliar o marcador aos 23 minutos. Nenê cruzou da esquerda e o zagueiro se antecipou no primeiro poste, mas finalizou por cima da meta.

O Fluminense matou o jogo aos 40 minutos. Calegari avançou pela direita e cruzou na medida para Luiz Henrique, que tentou o giro mas chutou em cima de Bruno Méndez. A bola bateu na perna do uruguaio e depois no braço esticado acima da cabeça.

O árbitro Bráulio da Silva Machado assinalou a penalidade em campo e o VAR não chamou o juiz para a revisão.

Nenê pediu a bola e bateu firme no canto direito de Cássio ampliar o placar da partida.

Danilo Barcelos ainda foi expulso aos 46 minutos. Michel foi lançado na direita e o lateral deu um carrinho direto na panturrilha do lateral. Após revisão no VAR, Barcelos levou o cartão vermelho direto.

Ainda deu tempo do Corinthians diminuir o placar aos 50 minutos. Otero bateu falta da direita no segundo poste, Gil ajeitou de cabeça e Mateus Vital escorou firme para o fundo das redes.

LEIA MAIS: Neymar constrói boate subterrânea em sua mansão em Mangaratiba para curtir com ‘parças’

Previous ArticleNext Article