Fluminense vence Millonarios e fica perto da vaga na Libertadores

O Fluminense venceu o Millonarios de virada por 2 a 1 na noite desta terça-feira (22) e ficou perto de avançar na fase preliminar da Copa Libertadores.

Jorge de Sousa - 22 de fevereiro de 2022, 23:39

Reprodução/Twitter Conmebol Libertadores
Reprodução/Twitter Conmebol Libertadores

O Fluminense venceu o Millonarios de virada por 2 a 1 na noite desta terça-feira (22) e ficou perto de avançar na fase preliminar da Copa Libertadores da América.

Eduardo Sosa abriu o placar para o Millonarios, mas David Braz e Germán Cano garantiram a virada do Fluminense em Bogotá.

A vitória deixa o Fluminense com a vantagem do empate e até mesmo ser derrotado por 1 a 0 no jogo de volta na próxima terça-feira (1), em São Januário.

Caso confirme a vaga na terceira fase preliminar da Libertadores, o Fluminense terá pela frente o vencedor do confronto entre Atletico Nacional e Olimpia, que começam o duelo no Paraguai nesta quinta-feira (24).

CANO E MARTINELLI SAEM DO BANCO PARA DAR VITÓRIA AO FLUMINENSE

O Millonarios conseguiu abrir o placar logo aos oito minutos. Montero lançou do campo de defesa, Cristiano errou o corte e Eduardo Sosa girou sobre David Braz, finalizando firme para vencer Fábio.

O Fluminense tentou responder aos 16 minutos. Luiz Henrique lançou Willian na área, mas o atacante finalizou a esquerda da meta.

Só que o jogo começou a mudar aos 18 minutos. Willian ganhou bola na área defensiva e Eduardo Sosa deixou o braço no rosto do atacante, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso.

Montero evitou o empate do Fluminense aos 21 minutos. Yago Felipe lançou Cristiano na área, mas o goleiro foi ágil para ficar com a posse.

Abel Braga precisou trocar Fred por Germán Cano aos 34 minutos, após o centroavante sentir uma lesão muscular em tentativa de arrancada na área.

A pressão do Fluminense resultou em gol aos 42 minutos. Yago Felipe finalizou de fora da área, Montero deu rebote na pequena área e Luiz Henrique chutou cruzado para David Braz completar para as redes.

Montero se recuperou aos 46 minutos. Cristiano arriscou finalização da entrada da área e o goleiro se esticou para defender a bola no canto direito.

O Fluminense seguiu melhor no início da segunda etapa. Logo no primeiro minuto, duas chances. A primeira em chute cruzado de Luiz Henrique que Montero espalmou, enquanto na segunda Cristiano bateu da esquerda e a bola passou rente ao poste direito.

Mas o Millonarios conseguiu uma penalidade aos dois minutos. Ruiz invadiu a área e Yago Felipe acertou um chute na perna direita do meia. Silva foi para a cobrança e Fábio defendeu a cobrança no canto esquerdo.

O Fluminense tentou responder aos 26 minutos. Cano foi acionado na entrada da área e finalizou rasteiro para Montero defender em dois tempos.

Cano não desperdiçou nova oportunidade aos 31 minutos. Martinelli lançou Luiz Henrique na direita e o atacante cruzou rasteiro para o centroavante completar na pequena área.

Luiz Henrique ainda teve a chance de matar o jogo aos 34 minutos. Novamente Martinelli lançou o atacante, mas a tentativa de finalização por cobertura passou por cima da meta.

MILLONARIOS 1 X 2 FLUMINENSE

Local: El Campín, Bogotá (Colômbia)

Árbitro: Darío Herrera (FIFA-ARG)

Assistentes: Gabriel Chade (FIFA-ARG) e Cristian Navarro (FIFA-ARG)

MILLONARIOS

Montero, Román (Perlaza), Llinás, Vargas e Bertel; Vásquez (Richard Celis), Vega, Ruiz Rivera, Eduardo Sosa e David Silva (Juan Pereira); Herazo (Valencia)  T.: Alberto Gamero.

FLUMINENSE

Fábio, Nino, Felipe Melo (Ganso) e David Braz; Calegari; Yago Felipe (Martinelli), André, Cristiano (Pineida); Luiz Henrique, Fred (Cano) e Willian (Arías) T.: Abel Braga.

Gols: Eduardo Sosa (6 minutos/1ºT), David Braz (42 minutos/1ºT) e Cano (31 minutos/2ºT)

Cartões amarelos: Eduardo Sosa e Llinás (MIL); Felipe Melo, Calegari e David Braz (FLU)

Cartão vermelho: Eduardo Sosa (MIL)

LEIA MAIS: Chelsea vence o Lille e abre vantagem nas oitavas da Champions