Fluminense vence Independiente Santa Fé com gols de Fred pela Libertadores

Jorge de Sousa

Fluminense vence Independiente Santa Fé com gols de Fred pela Libertadores

O Fluminense venceu o Independiente Santa Fé por 2 a 1 com o River Plate na noite desta quarta-feira (28), em mais uma noite inspirada de Fred na Copa Libertadores.

Após marcar na estreia contra o River Plate, Fred balançou as redes duas vezes na vitória do Fluminense na Colômbia. Giraldo descontou o placar para o Santa Fé.

O duelo foi realizado no Centenário Armênia, em Santa Fé, na Colômbia sem presença de público devido a pandemia da Covid-19.

Junto de Fluminense e Santa Fé no Grupo D da Copa Libertadores estão o Junior Barranquilla e o River Plate. As equipes também jogaram nesta quarta-feira, com vitória dos argentinos por 2 a 1.

Após duas rodadas disputadas, River Plate e Fluminense lideram a chave com quatro pontos conquistados, deixando Santa Fé e Junior com um ponto ganho cada.

A terceira rodada da Copa Libertadores já será disputada na próxima semana, com o Fluminense visitando o Junior no Romelio Martínez, às 19h, da quinta-feira (6).

FRED BRILHA NOVAMENTE PELO FLUMINENSE NA LIBERTADORES

O Independiente Santa Fé quase abriu o placar logo no primeiro minuto do jogo. Calegari errou corte no campo de defesa e Arias recuperou a posse, cruzando rasteiro para Giraldo na área, mas o atacante escorregou e Marcos Felipe ficou com a bola.

Só que a estrela de Fred começou a brilhar aos quatro minutos. Kayky fez bela jogada pela direita e encontrou Nenê na área, com o meia tocando de primeira com o calcanhar para Fred finalizar no canto direito.

Marcos Felipe salvou o Fluminense aos 18 minutos. Seijas recebeu bom passe na área e finalizou firme, a bola ainda desviou em Egídio, mas o goleiro conseguiu espalmar o chute.

Kayky ficou perto de ampliar o marcador aos 29 minutos. Martinelli deu belo passe para o atacante na área, só que a finalização cruzado carimbou o poste esquerdo.

Jorge Ramos perdeu chance incrível para empatar o jogo aos 32 minutos. Porras fez bela jogada pela direita e encontrou o atacante na área, mas Ramos finalizou torto e sem força, possibilitando o corte da defesa do Fluminense.

Castellanos apareceu pela primeira vez aos 38 minutos. Nenê cobrou falta na meia-lua da área no canto direito e o goleiro se esticou para mandar a bola para escanteio.

Nova chance do Santa Fé aos 46 minutos. Arias foi lançado na direita e rolou para a chegada de Mosquera na entrada da área, mas o lateral isolou a finalização.

Logo no primeiro lance da segunda etapa, o Fluminense conseguiu ampliar o marcador. Kayky lançou Egídio na esquerda e o lateral cruzou na medida para Fred testar a bola nas redes.

Mas o Santa Fé mostrou força e descontou o marcador aos cinco minutos. Palacios deu belo passe para Giraldo na área e o atacante finalizou de cavadinha para bater Marcos Felipe.

Jorge Ramos perdeu outra boa chance aos 12 minutos. Porras alçou a bola da direita e o atacante ganhou de Luccas Claro pelo alto, testando rente ao poste esquerdo.

O Fluminense tentou responder aos 19 minutos. Martinelli arriscou finalização da entrada da área, a bola resvalou na marcação e passou com perigo a direita da meta.

Castellanos voltou a aparecer aos 21 minutos. Gabriel Teixeira recebeu pela esquerda, limpou a marcação e bateu cruzado para o goleiro espalmar.

Egídio complicou o jogo para o Fluminense aos 26 minutos. O lateral cometeu falta no campo de defesa, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso pelo árbitro Andres Cunha.

Marcos Felipe fez duas belas defesas em sequência aos 28 minutos. Porras cruzou da direita para Jorge Ramos testar firme e o goleiro espalmar, com o rebote sendo finalizado de cabeça por Caballero para nova defesa do arqueiro.

Jersson González ficou perto de empatar o jogo aos 38 minutos. O meia recebeu na área e bateu cruzado rente ao poste direito de Marcos Felipe.

Nova chance clara perdida pelo ataque do Santa Fé aos 43 minutos. Mosquera cruzou da esquerda e Valdés – livre na pequena área, furou a finalização.

Marcos Felipe fez novo milagre aos 48 minutos. Caballero cobrou escanteio na primeira trave, a bola resvalou na marcação e Jorge Ramos testou firme na pequena área para o goleiro fazer grande intervenção encima da linha.

LEIA MAIS: Athletico vence Metropolitanos e segue invicto na Sul-Americana

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="760723" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]