Grêmio goleia Ayacucho e fica perto da classificação na Libertadores

Jorge de Sousa

Grêmio goleia Ayacucho e fica perto da classificação na Libertadores

O Grêmio goleou o Ayacucho por 6 a 1 na noite desta quarta-feira (10) e ficou muito próximo da vaga na terceira fase preliminar da Copa Libertadores.

O duelo foi realizado na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, sem presença de público devido a Covid-19.

David Braz, Ferreira, Diego Souza (três vezes) e Guilherme Azevedo marcaram os gols da vitória do Grêmio, enquanto Quina descontou para o Ayacucho.

A partida de volta será realizada na próxima quarta-feira (17), em Quito, no Equador, porque o Peru não está permitindo o ingresso de brasileiros devido a circulação de diversas cepas da Covid-19 no Brasil.

A equipe que avançar irá encontrar o vencedor do duelo entre Unión Española e Independiente del Valle na última fase preliminar da Libertadores. No jogo de ida no Chile, o Unión Española venceu em casa por 1 a 0.

GRÊMIO ATROPELA RIVAL PARA AFASTAR ‘FANTASMA’ DA COPA DO BRASIL

Na primeira partida após a derrota nas finais da Copa do Brasil para o Palmeiras, o Grêmio contou com o retorno de Piñares e Ferreira como titular.

As escolhas de Renato Gaúcho se provaram acertadas e mesmo com as limitações do Ayacucho, o Grêmio demonstrou maior volume ofensivo do que apresentado nas últimas partidas.

Prova é que o Grêmio conseguiu abrir o placar logo aos três minutos. Maicon deu bom passe para Piñares na área e o chileno passou por elevação para David Braz finalizar no canto direito.

A pressão do Grêmio continuou e Ferreira balançou as redes aos 27 minutos. Piñares fez belo lançamento para o atacante, que fintou o goleiro e bateu para o gol vazio.

O Grêmio seguiu forte no campo de ataque e ampliou o placar de pênalti aos 32 minutos. Após Alisson ser puxado na área, Diego Souza foi para a cobrança da penalidade e bateu forte no canto alto esquerdo.

Diego Souza ainda contou com a ‘sorte’ para marcar o quarto gol do Grêmio aos 40 minutos. Após receber no pivô de Piñares, o centroavante tentou ajeitar a bola na área, ninguém da zaga cortou e o próprio Diego recuperou a posse e bateu na saída do goleiro.

O Ayacucho pouco fez ofensivamente na partida, mas reclamou de um pênalti não marcado aos 24 minutos do segundo tempo. Paulo Miranda errou na saída de bola, foi desarmado por Regalado e puxou o atacante na área, mas o árbitro Augusto Aragon mandou o jogo seguir.

Aos 27 minutos, o Ayacucho chegou ao gol de honra na bola parada. Ardiles bateu escanteio da esquerda, Vanderlei errou o corte pelo alto e Quina cabeceou para o gol vazio.

O Grêmio melhorou na partida após o gol sofrido e buscou o quinto gol aos 33 minutos. Guilherme Azevedo aproveitou rebote na entrada da área e bateu colocado no canto esquerdo.

Ainda deu tempo de Diego Souza balançar as redes pela terceira vez. O centroavante disparou pelo centro, fintou três marcadores e bateu de cavadinha sobre Cavallotti para marcar belo gol em Porto Alegre.

LEIA MAIS: Cianorte vence Paraná Clube e avança para segunda fase da Copa do Brasil

Previous ArticleNext Article