Athletico-PR perde do Grêmio e está fora da próxima Copa Libertadores

Jorge de Sousa

Athletico-PR perde do Grêmio e está fora da próxima Copa Libertadores

O Grêmio venceu o Athletico-PR por 1 a 0 na noite deste domingo (21) e o Furacão não tem mais chances de classificação para a próxima Copa Libertadores.

Thaciano marcou o gol da vitória do Grêmio aos 31 minutos do segundo tempo.

O duelo foi realizado na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

Com a derrota, o Athletico-PR ficou estacionado com 50 pontos, quatro atrás do Santos. Com apenas uma rodada restante, o Furacão não pode mais ultrapassar o rival e assumir a oitava posição.

Já o Grêmio está garantido na próxima Copa Libertadores e pode conseguir a vaga direta caso conquiste a Copa do Brasil contra o Palmeiras ou ultrapasse na última rodada o Fluminense – atual quinto colocado com 61 pontos.

Na última rodada do Campeonato Brasileiro, as duas equipes entram em campo nesta quinta-feira (25), às 21h30. O Athletico-PR recebe o Sport na Arena da Baixada, enquanto o Grêmio visita o Red Bull Bragantino no Nabi Abi Chedid.

GRÊMIO EFICIENTE SUPERA ATHLETICO-PR EM JOGO EQUILIBRADO

A primeira chance criada na partida foi do Grêmio. Aos sete minutos, Pepê recebeu na esquerda e cruzou na medida para Isaque testar por cima da meta.

A resposta do Athletico-PR veio no minuto seguinte. Abner Vinícius encontrou Jadson na área, mas o meia foi travado no momento da finalização.

Paulo Victor salvou o Grêmio aos 19 minutos. Christian fez belo lançamento para Léo Cittadini, que saiu cara a cara com o goleiro, mas chutou em cima do arqueiro.

Nikão ficou perto de abrir o placar aos 30 minutos. Jonathan lançou Richard na direita e o volante cruzou na medida para o meia testar rente ao poste esquerdo.

Nova chance do Athletico-PR aos seis minutos do segundo tempo. Jadson bateu falta da entrada da área com efeito e a bola passou rente ao travessão.

Santos fez grande defesa aos oito minutos. Diego Souza foi lançado na direita e rolou para trás na chegada de Jean Pyerre, que bateu firme em direção ao ângulo direito, mas o goleiro se esticou para espalmar.

Paulo Miranda quase marcou gol contra aos 18 minutos. Após cruzamento de Christian, o zagueiro cabeceou para trás e Paulo Victor teve que mandar a bola para escanteio.

O Grêmio abriu o placar aos 31 minutos. Diego Churín arriscou da entrada da área, a bola desviou em Pedro Henrique e sobrou para Thaciano bater firme para vencer Santos.

Bissoli teve boa chance para empatar o jogo aos 38 minutos. O atacante recebeu na entrada da área e bateu de primeira rente ao poste esquerdo.

Após o apito final, Thiago Heleno e Richard foram reclamar com o árbitro Ricardo Marques Ribeiro e ambos foram expulsos de forma direta pelo árbitro.

LEIA MAIS: Djokovic domina Medvedev e vence Australian Open pela 9ª vez

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="746586" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]