Halterofilismo sofre novo golpe por causa de doping

Redação


A Federação Internacional de Halterofilismo anunciou que manteve a suspensão de 11 atletas do esporte após testes antidoping da época da Olimpíada de 2012 terem sido refeitos. Entre os suspensos, há seis medalhistas olímpicos.

Segundo uma nota divulgada pela entidade, as amostras recolhidas durante a competição em Londres deram positivo para o uso de agentes anabolizantes. No grupo suspenso, há quatro russos e atletas da Armênia, Azerbaijão, Belarus, Cazaquistão, Geórgia, Moldávia e Turquia.

Os atletas suspensos hoje são Hripisme Khurshudyan, bronze em 2012, Nataliya Zabolotnaya, prata em Londres, Svetlana Tzarukaeva, prata em Londres, Iryna Kulesha, bronze em 2012, Alexsandr Ivanov, medalha de prata, Cristina Iovu, bronze em 2012. Além deles, Intigam Zairov, Rauli Tsirekidze, Almas Uteshov, Sibel Simsek e Andrey Demanov.

Desde que o Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou estar refazendo os exames das Olimpíadas de 2008 e 2012, 42 atletas do levantamento de peso já foram flagrados por doping.

Com informações da Agência Brasil

Previous ArticleNext Article