Inter só empata, Ceará perde e Série B segue indefinida

Roger Pereira


Líder da Série B do Campeonato Brasileiro, o Internacional contava com duas vitórias em casa nas duas últimas rodadas para garantir matematicamente o acesso à primeira divisão. Mas, dos seis pontos estimados, o Colorado conquistou apenas um. Depois de ser derrotado pelo Ceará, o time gaúcho ficou no 0 a 0 contra o CRB, no Beira Rio, e além de chegar à segunda partida sem vitória pode ver a diferença para o vice-líder diminuir para apenas dois pontos, caso o América-MG vença o Guarani, no sábado.

A diferença só não diminuiu já nesta sexta-feira porque o vice-líder também tropeçou. Jogando em Caxias do Sul, o Ceará foi derrotado pelo Juventude por 1 a 0 e perdeu a chance de encostar no Inter e abrir vantagem para as equipe que ainda brigam por uma vaga no G4.

Com os resultados, o Inter foi a 62 pontos, ficando a uma vitória de conseguir os 65, número apontado pelos matemáticos como suficiente para o acesso, enquanto o Ceará estacionou nos 58. Vencedor da noite, o Juventude chegou a 49 pontos, na sétima posição, mas ainda a sete pontos do G4. Já o CRB, com o ponto somado em Porto Alegre, abriu três pontos para a zona do rebaixamento, na 16ª posição, com 39.

Ataque contra defesa

Pressionado pela derrota em casa na rodada anterior e o clima ruim entre torcida e jogadores, o Inter foi a campo disposto a apagar a má impressão e voltar a vencer, com autoridade. Mandou no jogo, teve um gol anulado nos minutos iniciais (Potker estava impedido), teve 14 finalizações no primeiro tempo, contra apenas uma do adversário, que limitou-se a se defender, mas fez isso muito bem. Na segunda etapa, a ansiedade por não fazer o gol começou a tomar conta do time gaúcho, que seguiu pressionando, mas passou a errar muito, dando chances de contra-ataque para a equipe alagoana, que teve a chance mais clara de gol da etapa final, quando Danilo Fernandes fez grande defesa em chute de Neto Baiano. No final, 0 a 0 no placar e mais vaias das arquibancadas do Beira-Rio.

Invencibilidade quebrada

O Juventude acabou com uma série de nove jogos sem derrota do Ceará, com gol de Ramón, aos 17 minutos do segundo tempo, quando Felipe Lima cruzou e o meia desviou no primeiro pau. O Juventude, que estreou o técnico Antônio Carlos Zago, ainda sonha com o acesso.

Previous ArticleNext Article
Roger Pereira
Repórter do Paraná Portal