Jogadores hostilizados no Aeroporto

Redação


Os jogadores do Paraná foram pessimamente recebidos por um grupo de torcedores no Aeroporto Afonso Pena, em São José dos Pinhais. A equipe levou uma goleada do Goiás por 4 a 0, na noite de quinta-feira, em Goiânia e agora passa a se preocupar com a zona de rebaixamento. Com palavras de ordens ofensivas como “fdp vai morrer, se o meu time cair pra Série C”, os atletas caminharam rapidamente para o ônibus que os esperava. Segundo a assessoria de imprensa, o clube faria um Boletim de Ocorrência individualmente, após constatar que alguns atletas chegaram a ser ameaçados de serem agredidos.

Mas não é apenas a torcida que está ansiosa. O técnico Roberto Fernandes, que estreou na goleada, foi um dos que mostraram preocupação com o futuro do time. “Infelizmente tenho que admitir isso, pelo que vi neste jogo, nosso time vai brigar para ficar na Série B, vamos brigar contra o descenso”, disse.

Realista, Fernandes também ressaltou a troca de treinadores. “Um clube que em setembro está em seu quarto treinador é porque tem algo errado”, concluiu.

O Paraná se prepara agora para a partida contra a Luverdense, na próxima terça, em Lucas do Rio Verde.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="388486" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]