Jornalistas projetam o que esperar do Operário em 2022

O Operário teve mais um ano seguro na Série B do Campeonato Brasileiro, embora não tenha conseguido atingir as expectati..

Jorge de Sousa - 01 de janeiro de 2022, 15:25

Foto: André Jonsson/OFEC
Foto: André Jonsson/OFEC

O Operário teve mais um ano seguro na Série B do Campeonato Brasileiro, embora não tenha conseguido atingir as expectativas no Campeonato Paranaense.

Para 2022, o Operário tem como principais desafios conseguir dar os próximos passos na consolidação nacional, em especial voltar a brigar pelo acesso à primeira divisão, além de tentar voltar a conquistar o Paranaense após sete anos.

Mas o que fazer para atingir esses feito? A reportagem do Paraná Portal ouviu jornalistas paranaenses para saber o que esperar do Fantasma neste ano.

Os jornalistas convidados são Ayrton Baptista Júnior, apresentador e produtor da rádio CBN Curitiba; Gabriel Carriconde, narrador da rádio Cidade; Elísio Júnior, narrador da rádio Banda B; Rafael Morientes, repórter da rádio CBN Londrina e da CBF TV; e Cesinha Oliveira, repórter da rádio Norte FM e da CBF TV.

CONFIRA AS OPINIÕES DOS JORNALISTAS SOBRE O QUE ESPERAR DO OPERÁRIO EM 2022

AYRTON BAPTISTA JUNIOR – APRESENTADOR E PRODUTOR DA RÁDIO CBN CURITIBA

O Operário sofreu demais com lesões, o que fez o time olhar mais para baixo do que para cima na Série B.

Mas, caso este trauma não reapareça, é possível esperar uma campanha de, pelo menos, nível intermediário no Brasileiro e uma briga pelas primeiras posições no Paranaense porque vários titulares permanecem: o goleiro Thiago Braga, o meia Thomaz e os atacantes Felipe Garcia e Paulo Sérgio.

GABRIEL CARRICONDE – NARRADOR DA RÁDIO CIDADE

O Fantasma tem projeto e tem diretoria, e está a algumas temporadas crescendo. Mas neste ano teve problemas com o comando técnico que fez o time perder rendimento.

O Fantasma tem totais condições para brigar firme na série B ano que vem, mas pela dificuldade que se desenha o torneio, com Grêmio, Vasco, Cruzeiro, Bahia, e Sport disputando firme, o Fantasma precisa estar conciso e organizado para não cair de maneira brusca seu rendimento durante a temporada.

ELÍSIO JÚNIOR – NARRADOR DA RÁDIO BANDA B

O Operário também teve uma campanha ruim na Série B. Fez um bom início de Série B, mas caiu vertiginosamente e brigou para não cair até as últimas rodadas. Não vejo um 2022 vitorioso para o Operário e não vai brigar pelo acesso na Série B. Com tantos gigantes, vejo que o Operário entra para se manter. É bom isso também, porque vai criando casca, reconhecimento, e virando tradicional na Série B.

Vejo um ano de 2022 para o Operário como manutenção da Série B. Na Copa do Brasil, vai jogar até onde der. E no Paranaense, pode ser campeão, porque os times da capital não dão aquela atenção especial, e o Operário pode se sobressair. Mas em competições nacionais, não vejo indo longe na Copa do Brasil e sem força para conseguir o acesso. A briga é para se manter entre os 15 primeiros colocados

RAFAEL MORIENTES – REPÓRTER DA RÁDIO CBN LONDRINA E DA CBF TV

Gosto da ideia do Operário. Acho muito importante a manutenção do Rodrigo Pimpão, um nome que é praticamente unanimidade em Ponta Grossa. Campeonato do Operário foi ‘irregular’ por conta de percalços no caminho. Acredito que o Operário vem forte para a disputa do Campeonato Paranaense, e coloco, junto com o Coritiba, na primeira prateleira. Também acredito que vai brigar pelo acesso para a Série A. Tem um bom técnico, um bom elenco, sabe contratar, e a torcida também veste a camisa.

CESINHA OLIVEIRA – REPÓRTER DA RÁDIO NORTE FM E DA CBF TV

Operário é um time que me agrada, vejo com bons olhos o Fantasma na Série B do Campeonato Brasileiro. A renovação com Rodrigo Pimpão foi excelente e acredito que com a presença de público nos estádios, o time pode fazer uma campanha muito boa e quem sabe até subir.

DUDU GUIMARÃES - REPÓRTER DA RÁDIO LAGOA DOURADA

O Operário Ferroviário, chega em 2022 buscando um melhor desempenho que na temporada passada, No Estadual caiu na Semifinal contra o Londrina, na Copa do Brasil saiu na 2ª Fase sendo eliminado pelo Coritiba e na Série B, o Fantasma terminou na 12ª posição, sendo a pior colocação das 3 edições que o clube disputou.

Para esse ano a Diretoria promete um investimento alto, já contratou 4 reforços para a temporada 2022, os zagueiros Thales que veio do Guarani de Campinas e Willian Machado do Botafogo - PB, o lateral esquerdo Romário, vindo do Coritiba e o lateral direito Arnaldo que disputou a Série A pelo Atlético – GO.

Além desses 4, a tendência é de mais 5 a 6 reforços chegando nos próximos dias em Ponta Grossa para a apresentação do elenco no dia 03/01, a prioridade segundo a Diretoria de Futebol, é a contratação de um camisa 9, 10 e um beirada, mas os nomes são guardados a “sete chaves”, mas uma coisa é certa, o clube não fará “loucuras”, para não onerar o caixa  já deficitário na temporada passada.

Os objetivos para 2022 são claros, conquistar o Estadual, avançar pelo menos 4 fases na Copa do Brasil e principalmente brigar pelo acesso a Série A, apesar de que esse ano a Série B será muito mais difícil que 2021, por conta das presenças de 3 gigantes do futebol brasileiro, Cruzeiro, Vasco e Grêmio.

LEIA MAIS: Retrospectiva: Operário tem ano de consolidação nacional, mas sem taças