Firmino decide e Liverpool bate o Tottenham para aumentar vantagem na Premier League

O Liverpool venceu o Tottenham por 1 a 0 e abriu 16 pontos de vantagem na liderança da Premier League. O gol foi marcado..

Vinicius Cordeiro - 11 de janeiro de 2020, 16:21

Divulgação / Liverpool
Divulgação / Liverpool

O Liverpool venceu o Tottenham por 1 a 0 e abriu 16 pontos de vantagem na liderança da Premier League. O gol foi marcado pelo brasileiro Roberto Firmino, aos 37 minutos do primeiro tempo.

61.023 pessoas acompanharam o duelo deste sábado (11) no Tottenham Stadium, em Londres, na Inglaterra.

Contudo, o jogo não foi simples: os Spurs pressionaram - e desperdiçaram - grandes chances na etapa final.

LIVERPOOL HISTÓRICO

O time treinado por Jürgen Klopp soma 61 pontos, 16 a mais que o Leicester - que perdeu, dentro de casa, para o Southampton por 2 a 1. Essa é a melhor campanha da história do torneio - ninguém nunca conquistou tantos pontos após 21 jogos realizados.

Contudo, o City visita o Aston Villa neste domingo (12) e pode assumir a vice-liderança. Caso a equipe de Pep Guardiola vença, também vai diminuir a vantagem dos Reds para 14 pontos.

Além disso, o Liverpool ainda completou 38 rodadas sem perder na Premier League, o equivalente a um campeonato inteiro. Nesse tempo, são 32 vitórias e seis empates.

O último revés foi no dia 3 de janeiro de 2019, quando foi derrotado por 2 a 1 pelo Manchester City.

Do outro lado, o Tottenham segue com 30 pontos e cai para a oitava posição, já que o Wolverhampton empatou com o Newcastle e o Sheffield United venceu o West Ham. Para completar, o time comandado por José Mourinho amarga a segunda derrota seguida no torneio nacional.

TOTTENHAM ASSUSTA NA ETAPA FINAL

Lucas Moura foi o jogador mais caçado da partida. (Divulgação / Tottenham)

O Liverpool ficou muito perto de marcar logo no primeiro minuto. Chamberlain deu boa enfiada para Firmino, que cortou Eriksen e bateu firme, mas viu Tanganga salvar o chute antes da bola entrar no gol. O brasileiro ficou com o rebote e retribuiu o passe para o inglês, que acabou carimbando a trave dos Spurs.

Aos 4, o Tottenham respondeu. Lucas Moura driblou Joe Gomez e bateu pela linha de fundo.

Depois, aos 21, Gazzaniga fez uma defesaça na cabeçada de Firmino. Porém, aos 37, o camisa 9 não deu chances ao goleiro. Ele deu uma finta em Taganga com o corpo e soltou uma pancada com o pé esquerdo para fuzilar as redes.

Já na etapa final, Mané exigiu ótima defesa de Gazzaniga, mas viu os Spurs melhorarem com as entradas de Lamela e Lo Celso. Lucas Moura passou a ter mais companhia e os donos da casa começaram a criar boas chances.

Aos 28, Lucas acionou Son dentro da área, mas o coreano bateu por cima e desperdiçou grande chance. Depois, aos 36, Aurier cruzou da direita e Lo Celso se esticou para completar. O gol estava livre, mas a bola acabou saindo pela linha de fundo.

No final, Lamela bateu firme para a defesa de Alisson. Depois, Origi retribuiu o chute e Gazzaniga pegou. No último lance, Alisson ainda defendeu o chute de Son. Foi o sexto clean sheet seguido dos Reds.