Liverpool goleia Roma e está perto da final da Champions League

Folhapress

O Liverpool está perto da final da Liga dos Campeões da Europa. Nesta terça (24), no estádio de Anfield, a equipe inglesa goleou a Roma (ITA) por 5 a 2 pela partida de ida das semifinais.
Foi uma atuação de gala do egípcio Mohamed Salah, eleito na semana passada o melhor jogador do Campeonato Inglês. Ele fez dois gols e deu passes para outros dois. O placar poderia ter sido ainda pior para os italianos, que reagiram apenas nos minutos finais, quando o Liverpool já vencia por 5 a 0.
Além do placar, foi uma das melhores partidas de futebol do ano. Além dos gols, houve duas bolas na trave. O domínio foi dos ingleses pela maior parte dos 90 minutos. O Liverpool busca chegar à decisão pela primeira vez desde 2007, quando perdeu para o Milan (ITA).
O Liverpool pode perder o jogo de volta em Roma, em 2 de maio, por dois gols de diferença. Por ter marcado duas vezes fora de casa, o time italiano avança se ganhar por 3 a 0, 4 a 1 ou a partir de quatro gols de vantagem.
A Roma teve uma chance para sair na frente. Aos 18 minutos, Kolarov acertou a trave no que seria um frango goleiro Karius. O lance poderia ter mudado a história do jogo. Não mudou. O Liverpool já dominava a partida e continuou desta forma.
O primeiro tempo poderia ter sido humilhante para os italianos se duas chances que caíram nos pés de Mané fossem para Salah. O senegalês desperdiçou ambas. A primeira delas, ao disparar sozinho e, de frente para o goleiro Alisson, chutar por cima.
Quando o egípcio teve oportunidades, o Liverpool ficou perto da final. Salah anotou dois gols antes do intervalo. O primeiro, um chute cruzado no ângulo esquerdo. No segundo, teve a precisão que faltou a Mané e tocou na saída do goleiro brasileiro. Antes disso, o zagueiro Lovren havia cabeceado uma bola na trave.
O segundo tempo foi um massacre do Liverpool por 35 minutos. O brasileiro Roberto Firmino marcou duas vezes e Mané conseguiu acertar o gol. Um resultado que garantiria, salvo uma das maiores viradas da história do futebol, os donos da casa na final.
Mas no fim, a Roma reagiu e marcou duas vezes, com Dzeko e Perotti. Foram as jogadas que mantiveram vivas as esperanças italianas, que viraram placar semelhante nas quartas de final, contra o Barcelona. Após derrota por 4 a 1 na Espanha, fizeram 3 a 0 no estádio Olímpico.
Nesta quarta (25), o Bayern de Munique (ALE) recebe o Real Madrid (ESP) na outra semifinal.

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook