Liverpool vence West Ham e mantém invencibilidade no Campeonato Inglês

Vinicius Cordeiro

liverpool west ham campeonato inglês

O Liverpool venceu o West Ham por 3 a 2, nesta segunda-feira (24), pela rodada 27 do Campeonato Inglês. Wijnaldum abriu o placar pelos Reds, mas Diop e Fornals viraram o placar pelos Hammers. Contudo, em um frangaço do goleiro Fabianski, Salah igualou tudo mais uma vez e incendiou Anfield. No final, Sadio Mané garantiu o triunfo dos mandantes.

O Liverpool segue em busca da maior série invicta da Inglaterra, que pertence ao Arsenal, com 49 jogos sem perder. Hoje os Reds conquistaram a partida de número 44. O detalhe fica por conta do desempenho do time: mesmo sem atuar tão bem, como o usual, o time comandado por Jurgen Klopp consegue vencer.

De quebra, o empate mantém a invencibilidade do Liverpool em Anfield. A última vez que a equipe perdeu com o apoio da torcida foi no dia 23 de abril de 2017. Na ocasião, o Crystal Palace triunfou por 2 a 1.

Com o resultado, o Liverpool segue na liderança isolada do Campeonato Inglês. São 79 pontos conquistados em 81 disputados, ou seja, um aproveitamento de 97%. Para se ter noção, essa é a maior campanha de um clube na história de um torneio nacional nas 27 primeiras rodadas.

Os Reds voltam a campo contra o Watford. O jogo está marcado para o no próximo sábado (29/2), às 14h30 (horário de Brasília), em Vicarage Road. No mesmo dia, só que às 12h30, o West Ham recebe o Southampton. O time londrino é o 18° colocado, com 24 pontos, e luta contra o rebaixamento.

LIVERPOOL TOMA SUSTO

Alexander-Arnold disputa a bola com o brasileiro Felipe Anderson, do West Ham. (Divulgação / Liverpool)

O Liverpool abriu o placar com oito minutos de jogo. Alexander-Arnold cruzou e Wijnaldum completou para as redes. Contudo, o West Ham empatou quatro minutos mais tarde. Snodgrass bateu o escanteio e Diop cabeceou firme para superar o goleiro Alisson.

Na etapa final, o West Ham ficou em vantagem no placar. Rice fez jogada da direita e cruzou para Fornals bater firme no canto do gol dos Reds. O Liverpool passou a pressionar e igualou tudo em uma falha grotesca do goleiro Fabianski. Robertson cruzou rasteiro da esquerda e Salah bateu fraco, rasteiro. Contudo, a bola passou entre as pernas do arqueiro e morreu no fundo das redes.

A virada saiu aos 35 minutos. Joe Gomez chutou para o gol, mas escorregou. Mesmo assim, Alexander-Arnold ficou com a bola na área e tocou para Mané, livre, completar. O senegalês chegou a marcar o quarto, mas a arbitragem anulou a jogada.

Por fim, restou o goleiro Alisson salvar o chute de Bowen com o rosto e garantir o triunfo dos Reds.

Previous ArticleNext Article