Maior venda da história do Paraná, Jhonny Lucas se despede do clube

O meia Jhonny Lucas se despediu do Paraná Clube nesta quarta-feira (21). O jogador de 19 vai defender o Sint-Truidense, ..

Vinicius Cordeiro - 21 de agosto de 2019, 15:51

Jhonny Lucas jogou em todas as posições do meio campo e marcou dois gols no Brasileirão 2018. Foto: Geraldo Bubniak /AGB
Jhonny Lucas jogou em todas as posições do meio campo e marcou dois gols no Brasileirão 2018. Foto: Geraldo Bubniak /AGB

O meia Jhonny Lucas se despediu do Paraná Clube nesta quarta-feira (21). O jogador de 19 vai defender o Sint-Truidense, da Bélgica, pelas quatro próximas temporadas.

"Hoje me despeço desse clube que me abriu as portas e me deu a oportunidade de realizar um sonho de criança ,porém meu carinho e admiração por esse clube fica , só tenho agradecer a torcida,diretoria e jogadores por sempre ter me tratado com muito carinho desde quando subi ao profissional, fica aqui meu agradecimento a esta instituição. OBRIGADO POR TUDO !!!", postou o jogador em seu Instagram.

https://www.instagram.com/p/B1a_PGqAzj1/?igshid=10hc0vfaurt1i

PROMESSA DA VILA

Segundo o jornalista Guilherme Moreira, do site Globoesporte.com, o Tricolor vai receber 2,3 milhões de euros pela transferência. Ou seja, o clube vai faturar cerca de R$ 10,3 milhões pela venda de 90% dos direitos do jogador, fechando a maior venda da história do Paraná.

Jhonny Lucas é visto como "diamante" desde as categorias de base do clube e chegou a ser chamado por Tite para treinar com a seleção brasileira. Teve propostas do Cruzeiro e Vasco, além de ser patrocinado pela Nike. No futebol europeu, despertou interesse de gigantes, como a Juventus, da Itália, e Arsenal, da Ingleterra.

DENTRO DE CAMPO

Entretanto, a definição da sua venda durou nove meses. O fato atrapalhou seu rendimento no Tricolor, já que ficou afastado da equipe principal.

No total, Jhonny Lucas atuou com a camisa paranista por 1.454 minutos. Foram 31 jogos e apenas dois gols marcados.

Ele começou a treinar com o time principal em julho de 2017, mas estreou em setembro daquele ano sob o comando de Matheus Costa. Entrou durante a vitória por 3 a 0 sobre o Náutico, pela 26ª rodada da Série B. Naquele ano, o time paranista conquistou o acesso à elite do futebol brasileiro, mas ele não pertencia ao time titular.

No ano seguinte, passou a ser titular da equipe no Campeonato Paranaense, ainda com o técnico Wagner Lopes. Atuou improvisado na lateral direita, mas passou a jogar no meio campo com o treinador Rogério Micale. O comandante, campeão olímpico pelo Brasil, trabalhou no Paraná na primeira parte do Brasileirão e chegou a comparar Jhonny com Paulinho, Elias e Ramires pela chegada no ataque.

Contudo, foi após a demissão de Micale que Jhonny Lucas teve mais oportunidades. Na reta final do Campeonato Brasileiro do ano passado, quando o Paraná já estava virtualmente rebaixado, Ele atuou como o camisa 10 e ganhou mais minutos em campo, apesar do rebaixamento do Tricolor. O técnico na época foi Dado Cavalcanti, demitido no começo desse ano.