Maradona ganha estátua de cinco metros na Argentina

Diego Armando Maradona, que morreu com 60 anos no ano passado, recebeu duas homenagens da seleção argentina de futebol. ..

Redação - 04 de junho de 2021, 08:00

(Divulgação/AFA)
(Divulgação/AFA)

Diego Armando Maradona, que morreu com 60 anos no ano passado, recebeu duas homenagens da seleção argentina de futebol. Antes do jogo entre Argentina e Chile, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, foi inaugurada uma estátua de cinco metros de altura com a presença da delegação. Além disso, os atletas atuaram com uma imagem de Dieguito no peito.

Conforme o jornal argentino Olé, a estátua de Maradona foi esculpida por Carlos Benvídez e pesa duas toneladas. A obra fica no estádio Único de Santiago del Estero, a cidade mais antiga do país.

Vale lembrar que esse foi o primeiro jogo da seleção após a morte de Maradona, em novembro de 2020. O maior jogador da história dos hermanos sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu.

Após a partida, Lionel Messi fez questão de homenagear Dieguito. "Maradona sempre estará com a Seleção. Hoje foi uma partida muito especial, por ser a primeira sem ele, e por tudo que o mundo está passando. É uma tristeza jogar sem a torcida. Nós sabemos o que a Seleção significou para ele. Queríamos dar a vitória a Maradona e representar a seleção como sempre fez", disse o atual camisa 10.

(Divulgação/AFA)

APÓS HOMENAGENS A MARADONA, ARGENTINA SEGUE NA DISPUTA ELIMINATÓRIAS

Com o empate por 1 a 1 diante do Chile, a seleção argentina perdeu a chance de ultrapassar o Brasil (que encara o Equador hoje).

Agora, o técnico Lionel Scaloni prepara a equipe para encarar a Colômbia. O jogo está marcado para às 20h da próxima terça-feira (8), no Estádio Metropolitano Roberto Meléndez, em Barranquilla, na Colômbia.