“Meio campo movediço” para vencer o Nacional de Medellín

Redação


O Coritiba tem a chance de fazer história hoje, às 21h45,  no Estádio Atanasio Girardot, em Medellín (COL), contra o Nacional de Medellín, caso passe pelos colombianos. Seria a primeira vez que a equipe alviverde chegaria tão longe em uma competição internacional. Para isso, o Coritiba precisar vencer ou empatar com resultados a partir de 2 a 2, mas empate por 0 a 0 será eliminado diretamente e empate por um gol a disputa irá para as penalidades.

O técnico Paulo Cesar Carpegiani deve optar pelo meia Ruy na vaga de Juan, que sentiu dores musculares. Para o treinador o time deve estar mais movediço. “Quero uma equipe movediça com poder de criatividade, assim como, iremos apostar nas bolas altas”, comentou.

 

Já o Nacional jogou o clássico contra o Independiente Medellín com um time reserva e empatou por 2 a 2. O treinador Reinaldo Rueda não contará com o zagueiro Nájera, que foi expulso no jogo do Couto Pereira, e o lateral Bocanegra, lesionado.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO NACIONAL X CORITIBA

Local: Atanasio Girardot, em Medellín (COL).
Data: 26 de outubro de 2016.
Horário: 21h45 (horário de Brasília).
Árbitro: Victor Carrillo (PERU).
Assistentes: Jonny Bossio  e Coty Carrera

Atlético Nacional: Armani; García, Henríquez, Aguilar e Díaz; Arías, Uribe, Guerra e Macnelly Torres; Berrío e Miguel Borja. Técnico: Reinaldo Rueda.

Coritiba: Wilson; Walisson Maia, Luccas Claro, Juninho e Benítez; João Paulo, Edinho, Ruy e Raphael Veiga; Leandro e Kazim. Técnico: Paulo César Carpegiani.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="393685" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]