Melo e Dodig ficam com o vice no ATP 250 de Adelaide

O brasileiro Marcelo Melo e o croata Ivan Dodig foram derrotados na madrugada deste domingo (9), pela parceria indiana f..

Jorge de Sousa - 09 de janeiro de 2022, 09:51

O brasileiro Marcelo Melo e o croata Ivan Dodig foram derrotados na madrugada deste domingo (9), pela parceria indiana formada por Rohan Bopanna e Ramkumar Ramanathan, em parciais de 7-6 (6) e 6-1 e ficaram com o vice-campeonato do ATP 250 de Adelaide.

A parceria entre Melo e Dodig foi reatada no final de 2021 e logo no primeiro torneio da temporada de 202 consegue chegar em uma final, a primeira do brasileiro desde o fim de 2020.

O vice-campeonato rende uma premiação de US$ 10.570 e 150 pontos no ranking da ATP, retornando o brasileiro para a 24ª posição da lista.

Na final, Melo e Dodig chegaram a ter quatro break points no primeiro set, mas não aproveitaram nenhuma das chances e foram derrotados no tie-break da parcial.

A vitória no set inicial embalou Bopanna e Ramanathan que dominaram a segunda parcial, perdendo apenas um game para o brasileiro e o croata.

VITÓRIAS BRASILEIRAS EM QUALIS NA AUSTRÁLIA

A madrugada de domingo não foi apenas de derrotas para o tênis brasileiro. Beatriz Haddad Maia e Thiago Monteiro venceram seus compromissos e avançaram para rodadas finais de torneios na Austrália.

Haddad Maia avançou para a rodada final do WTA 500 de Sydney ao vencer a chinesa Zhaoxuan Yang (913 do ranking da WTA), em parciais de 6-4 e 6-4.

Por uma vaga na chave principal, a brasileira irá encarar a canadense Gabriela Dabrowski (725 do ranking da WTA), atleta que tem maior destaque jogando como duplista.

Já Monteiro venceu o australiano Harry Bourchier (458 do ranking do ATP), em parciais de 7-6 (6) e 6-1 para avançar a segunda rodada do qualificatório do ATP 250 de Adelaide 2.

O cearense terá pela frente um duelo contra o norte-americano Steve Johnson (85 do ranking da ATP). No único duelo anterior entre os dois, Johnson venceu por cinco sets em Roland Garros, em 2021.

LEIA MAIS: Nikão grava vídeo de despedida do Athletico: “saio como torcedor”