Messi recua e deve defender a seleção argentina

Redação


A campanha em seu país para que não abandone a seleção argentina, como cogitou fazer, após a derrota na decisão da Copa América para o Chile, fez com que o craque Messi recuasse em sua decisão. Segundo o jornal La Nación, um colega do jogador afirmou que Messi disputará a Copa da Rússia em 2018.  “Tenho muita fé. É preciso deixá-lo tranquilo. Confio em seu silêncio. Ele ama a seleção. Dá tudo pelo país”, disse o amigo Marcelo D’Andrea.

Logo após a desistência do craque, o jornal esportivo Olé e alguns torcedores iniciaram pelas redes uma campanha para que a torcida retirasse a ideia de sua cabeça. As iniciativas parecem ter alcançado o objetivo. O jogador passa férias nas Bahamas e deve se reapresentar dia 13 ao Barcelona, onde irá se preparar para disputar amistosos pelos Estados Unidos como pré-temporada.

 

Previous ArticleNext Article