Michael Phelps reafirma que vai se aposentar após Rio 2016

Fernando Garcel


Depois de completar sua última prova nas piscinas dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, o estadunidense Michael Phelps deve mesmo se aposentar.

O atleta, com 31 anos, dedicou 24 anos para o esporte e conquistou 13 medalhas de ouro individual, 9 em revezamentos, duas pratas e dois bronzes, em competições olímpicas. Com o último ouro, Phelps quebrou o recorde de Leônidas de Rodes, um dos mais famosos atletas olímpicos da Antiguidade, que já durava 2.160 anos.

Em coletiva, o atleta afirmou que deve se aposentar para passar mais tempo com o filho. “Eu estou pronto para me aposentar e estou feliz com isso. Eu estou com a cabeça melhor desta vez do que há quatro anos. Estou pronto para passar algum tempo com Boomer [filho] e Nicole [futura esposa] e ver esse carinha crescer”, disse.

Phelps planeja viajar depois que se aposentar e tem casamento marcado para o fim do ano. O atleta contou que seu objetivo era mudar a natação e continuar a trabalhar nisso é algo que ele tem em mente.

“Eu pude fazer tudo o que eu tinha em mente nesse esporte. São 24 anos nesse esporte. Estou feliz com como as coisas terminaram”, contou ele, que disse ter voltado a uma Olimpíada depois de 2012 porque não queria viver com um “e se” 20 anos depois.

O último compromisso de Phelps acontece neste sábado (13). Com quatro ouros já conquistados aqui no Brasil, o astro vai à piscina do Estádio Aquático Olímpico pela última vez na final do revezamento 4x100m medley, última prova de natação desta edição dos Jogos Olímpicos.

Previous ArticleNext Article