Ministro do Esporte quer discutir causas da suspensão do Atletiba

Redação


O ministro do Esporte, Leonardo Picciani, se solidarizou à dupla Atletiba no episódio ocorrido no final de semana, quando o clássico não foi disputado por ingerência da Federação Paranaense de Futebol (FPF), que alegou falta de credenciamento de 18 pessoas que fariam a transmissão online da partida.

Segundo a assessoria do clube, o ministro ligou para o presidente Rogerio Portugal Bacellar, e se solidarizou com o clube. Além disso, Picciani garantiu que será realizada em breve, uma reunião entre os presidentes dos clubes envolvidos na partida, o ministério e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), com objetivo de debater os motivos que levaram à suspensão.

“O ministro me ligou e mostrou sua solidariedade ao Coritiba e Atlético. Disse que precisamos cuidar para que situações como esta não ocorram mais, pelo bem da evolução do esporte em nosso país. Marcaremos um encontro dos clubes, do ministério juntamente à CBF para tratarmos disto”, concluiu Bacellar.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="415847" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]