Nadal vira final histórica contra Medvedev, ganha o Australian Open e atinge recorde

Rafael Nadal venceu Daniil Medvedev por 2-6, 6-7, 6-4, 6-4 e 7-5, em 5h24min, conquistou o título do Australian Open e levou o 21º título de Grand Slam

Pedro Melo - 30 de janeiro de 2022, 11:27

(Reprodução/Twitter/Australian Open)
(Reprodução/Twitter/Australian Open)

Na história! O espanhol Rafael Nadal venceu de virada o russo Daniil Medvedev por 3 sets a 2, parciais de 2-6, 6-7, 6-4, 6-4 e 7-5, em 5h24min, conquistou o título do Australian Open de 2022 e levou o 21º título de Grand Slam.

Com a 21ª conquista, Nadal se isolou como o maior vencedor de Grand Slam da história do tênis masculino e deixou para trás o suíço Roger Federer e o sérvio Novak Djokovic, que têm 20 cada. Ele ainda igualou a marca de Djokovic, que ganhou pelo menos duas vezes os quatro principais torneios - 13 vezes em Roland Garros, quatro vezes no US Open e duas vezes em Wimbledon e no Australian Open.

Na grande decisão, o espanhol encarou Medvedev, número dois do mundo e considerado o favorito para a partida. Em quadra, o russo abriu dois sets a zero e estava próximo do título do Australian Open. Estava. Nadal voltou para o jogo, se igualou fisicamente ao adversário e conquistou uma das maiores viradas de sua carreira.

Ele precisou sacar duas vezes no quinto set para confirmar a vitória, já que na primeira tentativa de fechar o jogo, foi quebrado no 5-4. Logo depois, quebrou o saque de Medvedev e não desperdiçou a segunda chance.

RAFAEL NADAL E O TÍTULO IMPROVÁVEL NO AUSTRALIAN OPEN 

A conquista do Australian Open parece improvável pelo que aconteceu com Rafael Nadal nos meses anteriores. O espanhol encerrou a temporada de 2021 ainda em setembro por conta de uma lesão no pé, que o fez até andar de muleta. Em dezembro, logo após uma exibição em Abu Dhabi, pegou Covid-19 e precisou interromper a pré-temporada.

Para recuperar o ritmo de jogo, Nadal jogou o ATP 250 de Melbourne logo na primeira semana e conquistou o título. Mesmo assim, o espanhol não entrou como o grande favorito em Melbourne e precisou superar os obstáculos físicos para alcançar a história.