Nós vamos acabar com o futebol, avalia Micale sobre torcida única no jogo entre Paraná Clube e Atlético-PR

O jogo do Paraná Clube contra o Atlético-PR no próximo domingo (27), às 11h (de Brasília), será marcado pela presença ex..

Francielly Azevedo - 25 de maio de 2018, 12:38

Foto: Geraldo Bubniak &#124 PRC
Foto: Geraldo Bubniak &#124 PRC

O jogo do Paraná Clube contra o Atlético-PR no próximo domingo (27), às 11h (de Brasília), será marcado pela presença exclusiva da torcida paranista, após o Tricolor fazer um acordo com o Ministério Público do Paraná (MP-PR). A medida tem dividido opiniões. Nesta sexta-feira (25), em entrevista coletiva, o técnico Rogério Micale rasgou o verbo sobre o assunto e disse que a iniciativa é um "prejuízo enorme para o futebol".

"Nós vamos acabar com o futebol, nós estamos caminhando para um rumo que estamos fazendo tudo perder a graça. Não podemos mais comemorar gols, não podemos falar mais nada. Estão acontecendo situações que cada vez mais causam desinteresse e fazem perder aquela paixão que é o nosso futebol. Será um prejuízo enorme para o futebol", lamentou.

O duelo será o único na Vila Capanema com torcida única. Segundo o clube Tricolor, a decisão atende o princípio da reciprocidade, já que no returno a torcida paranista não poderá adentrar a Arena da Baixada. O Atlético-PR adotou o projeto-piloto do MP-PR que restringe a presença da torcida visitante em espaço reservado dentro do estádio rubro-negro. De acordo com o MP-PR, a iniciativa pretende diminuir a violência nos jogos.

Micale não concorda. Ele disse não gostar da torcida única, por perder a beleza que envolve o futebol. "Eu não gosto. Eu acho que o encantamento do futebol é as duas torcidas. É a coisa mais linda quando você vai ao estádio e vê a torcida apoiando seu time de um lado, a outra respondendo do outro. Eu digo de uma forma romântica, com respeito e educação, sem brigas. O colorido do estádio fica diferente. Eu sou do tempo que você ia nos estádios que tinha de um lado a cor predominante dos donos da casa, do outro o visitante. É lindo", ressaltou.

O treinador também falou sobre o confronto com o Atlético-PR e avaliou o sistema de jogo do técnico Fernando Diniz. "O Atlético-PR tem uma característica de jogo, que veio da ideia do Fernando, é uma situação interessante que demanda tempo de treinamento e implantação, é um jogo perigoso, se o adversário não estiver muito atento e ciente das possibilidades que esse sistema proporciona de desafios ao adversário", contou.

Micale disse que estudou o sistema adotado pelo adversário e que a equipe paranista está confiante em conquistar a primeira vitória. "Nós estudamos, trabalhamos muito e diversas formas de contrapor isso. Já temos o plano A e o plano B. Estamos muito confiantes para esse jogo e tentaremos da melhor forma possível que essa vitória venha", destacou.

O Paraná Clube ocupa a última posição na tabela com dois pontos, já o Atlético-PR também está na zona de rebaixamento, com cinco pontos, na 17ª posição.