Operário é goleado pelo CRB e se distancia do G4 da Série B

Vinicius Cordeiro


O Operário foi goleado por 4 a 1 para o CRB e voltou a perder na Série B. O duelo deste sábado (17) foi válido pela 16ª  rodada e realizado no estádio Rei Pelé, em Maceió.

Os alagoanos pressionaram no início do jogo e marcaram com Bill logo aos cinco minutos. O Fantasma chegou a empatar com Pedro Ken aos 26 minutos e levou a igualdade para o intervalo. Contudo, só deu CRB no segundo tempo: Pablo Dyego, Diego Torres e Safira, em cobrança de pênalti, garantiram o triunfo dos donos da casa.

O técnico Gérson Gusmão teve desfalques importantes para o jogo por causa da covid-19. Tomas Bastos, Rafael Chorão e Fábio testaram positivo e já estão em isolamento. O trio infectado deve perder pelo menos as próximas três rodadas.

O resultado distancia ainda mais o Fanstama do G4 da Série B: são sete pontos a menos que a Ponte Preta, quarta colocada. O time de Ponta Grossa permanece com 22 pontos e aparece na nona posição da tabela. Além disso, a equipe não vem em uma sequência boa: são duas derrotas, dois empates e apenas uma vitória nos últimos cinco jogos.

Já o CRB reagiu após duas derrotas seguidas e chegou ao sétimo lugar, com um ponto a mais que o time paranaense.

O Operário se prepara agora para enfrentar o Cruzeiro, que terá a estreia do técnico Felipão. O duelo está marcado para a próxima terça-feira (20), às 20h30, no estádio Germano Kruger. Já na quarta (21), às 16h30, o CRB entra em campo contra o Figueirense, em Florianópolis.

CRB 4 x 1 OPERÁRIO

16ª rodada da Série B

CRB: Victor Souza; Reginaldo (Lucas Mendes), Gum, Reginaldo Júnior e Hugo (Igor); Claudinei, Moacir e Diego Torres; Pablo Dyego (Carlos Jatobá), Alisson Safira e Bill (Darlisson). Técnico: Marcelo Cabo.

Operário: Thiago Braga; Sávio, Ricardo Silva, Reniê e Julinho (Fabiano); Mazinho (Jorge Jiménez), Marcelo (Maranhão), Pedro Ken e Clayton (Lucas Batatinha); Douglas Coutinho (Diego Cardoso) e Jefinho. Técnico: Gérson Gusmão.

Gols: Bill, Pablo Dyego, Diego Torres e Safira (CRB). Pedro Ken (Operário).

Cartões amarelos: Hugo e Pablo Dyego (CRB); Reniê, Julinho, Mazinho, Pedro Ken e Clayton (Operário).

Previous ArticleNext Article