Operário é goleado pelo Náutico e perde primeira como visitante na Série B

Jorge de Sousa

Operário é goleado pelo Náutico e perde primeira como visitante na Série B

O Operário foi goleado por 5 a 0 pelo Náutico na noite desta sexta-feira (2) e perdeu a invencibilidade como visitante no Campeonato Brasileiro da Série B.

Marciel, Paiva (duas vezes), Jean Carlos e Iago marcaram os gols do duelo realizado foi realizado nos Aflitos , em Recife, sem a presença de público, devido a pandemia da Covid-19.

Com a vitória o Náutico se manteve na liderança isolada da Série B, com 21 pontos e nenhuma derrota na competição. Já o Operário ficou estacionado com 12 pontos e pode terminar a rodada fora do grupo dos dez primeiros.

As duas equipes voltam a campo apenas na próxima semana. O Náutico viaja para duela contra o Goiás, na Serrinha, na sexta-feira (9), às 21h30, enquanto o Operário recebe o Brasil de Pelotas, no Germano Krüger, no sábado (10), às 11h.

EFICIÊNCIA DO NÁUTICO GARANTE GOLEADA NOS AFLITOS

O Náutico foi para cima do Operário e logo aos oito minutos abriu o placar. Após cobrança de arremesso lateral, Marciel aproveitou sobra da disputa pelo alto e bateu firme para vencer Simão.

O Operário tentou responder aos 14 minutos. Felipe Garcia aproveitou rebote na entrada da área e finalizou firme, mas no meio do gol para Alex Alves ficar com a bola.

Nova chance do Operário aos 23 minutos. Marcelo bateu escanteio da direita e Reniê apareceu livre para testar rente ao poste direito de Alex Alves.

Só que foi o Náutico quem ampliou o marcador aos 28 minutos. Vinícius lançou Paiva na área, o atacante dominou bem a bola e bateu cruzado no canto direito para balançar as redes.

O Timbu quase ampliou o placar aos 34 minutos. Jean Carlos bateu falta da intermediária, a zaga afastou parcialmente e Rafinha emendou a sobra de fora da área, errando por pouco o canto direito.

Alex Alves evitou o gol do Operário aos 43 minutos. Rafael Chorão cruzou da esquerda e Alex Silva cabeceou de peixinho para o goleiro fazer bela defesa.

A eficiência do Náutico continuou no segundo tempo. Logo aos três minutos, Vinícius fez boa jogada pela esquerda e cruzou rasteiro para Jean Carlo, que teve tempo de dominar e bater rasteiro no canto direito.

A goleada ainda ficaria maior aos dez minutos. Rhaldney lançou Paiva na área, o atacante esperou a saída de Simão e bateu cruzado para balançar as redes pela segunda vez na noite.

Alex Alves voltou a aparecer aos 21 minutos. Lucas Mendes avançou pela direita e cruzou rasteiro para Felipe Garcia, mas o goleiro foi ágil para dividir com o atacante e evitar o gol.

Ainda deu tempo de Iago dar números finais ao confronto. Aos 44 minutos, o atacante foi lançado nas costas de Rodolfo Filemon e tocou na saída de Simão para fechar o placar.

LEIA MAIS: Abner, do Athletico, é convocado para a seleção olímpica nos Jogos de Tóquio

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="773415" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]