Operário vence Paraná Clube e mantém sonho do acesso na Série B

Jorge de Sousa

Operário vence Paraná Clube e mantém sonho do acesso na Série B

O Operário venceu o Paraná Clube por 1 a 0 na noite desta sexta-feira (27) e manteve vivas as chances de acesso no Campeonato Brasileiro da Série B.

Ricardo Bueno marcou o gol da vitória do Operário aos 18 minutos do segundo tempo.

O duelo foi realizado no Germano Krüger, em Ponta Grossa, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

A derrota deixou o Paraná Clube na 14ª posição com 29 pontos, enquanto o Operário subiu para o 11º lugar com 32 pontos ganhos. O Fantasma está a cinco pontos do G-4 e o Tricolor está oito na frente da zona de rebaixamento.

As duas equipes voltam a campo no início da próxima semana. O Operário viaja para enfrentar o Brasil de Pelotas na segunda-feira (30), às 17h, e o Paraná recebe o Vitória na Vila Capanema, terça-feira (1), às 21h30.

OPERÁRIO APROVEITA NOVA FALHA NA BOLA AÉREA DO PARANÁ CLUBE

A primeira chance de perigo da partida foi do Paraná Clube aos quatro minutos. Renan Bressan chutou bloqueado e a bola sobrou para Thiago Alves, que bateu perto do poste esquerdo.

A resposta do Operário veio na bola parada. Aos seis minutos, Marcelo bateu escanteio fechado e Filipe tirou de soco encima da linha de gol.

Nova chance do Paraná Clube aos sete minutos. Renan Bressan lançou Wandson na área e o atacante bateu cruzado para Thiago Braga espalmar para escanteio.

O Operário quase marcou novamente com cruzamentos fechados. Aos 24 minutos, Tomas Bastos cruzou da esquerda, a bola pegou efeito e Filipe mandou para linha de fundo.

Thiago Alves perdeu grande chance para balançar as redes aos 42 minutos. Wandson lançou o atacante que saiu frente a frente com Thiago Braga, mas tentou a finalização de bico de chuteira, mandando a bola muito desviada.

O segundo tempo começou em ritmo mais lento e a primeira oportunidade saiu apenas aos 16 minutos. Tomas Bastos fez bela jogada individual pelo centro, mas quando invadiu a área foi travado por Jean Victor.

Aos 18 minutos, o Operário conseguiu abrir o placar. Rafael Chorão bateu escanteio da esquerda e Ricardo Bueno cabeceou para o chão, a bola quicou e entrou no ângulo direito.

Diego Cardoso quase ampliou o placar aos 22 minutos. Thomaz fez o cruzamento da esquerda e o meia apareceu livre para cabecear perto do poste direito.

O Paraná teve grande chance para empatar o jogo aos 23 minutos. Andrey fez bela jogada individual pela esquerda e cruzou rasteiro para Renan Bressan, mas o meia bateu no meio do gol para tranquila defesa de Thiago Braga.

O Operário reclamou da entrada de Juninho aos 31 minutos. O lateral entrou de sola contra Maranhão e recebeu cartão amarelo de Rodrigo Carvalhaes.

Bruno Lopes perdeu boa chance para empatar o jogo aos 35 minutos. Vitinho alçou a bola na área e o atacante tentou escorar da pequena área, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora.

Aos 48 minutos, o Paraná ainda teve a chance para empatar o jogo. Renan Bressan bateu escanteio da direita, Fabrício furou a finalização e a bola sobrou para Karl, mas a zaga chegou para travar o chute.

LEIA MAIS: Athletico-PR tem mais três desfalques pela Covid-19 contra o Palmeiras

Previous ArticleNext Article